Nadal sofre princípio de apendicite em Xangai, mas tentará jogar Masters 1000

  • Por Agencia EFE
  • 07/10/2014 13h21

Xangai (China), 7 out (EFE).- O tenista espanhol Rafael Nadal, número dois do ranking mundial, disse nesta terça-feira que sofreu um princípio de apendicite no sábado, mas tentará jogar o Masters 1000 de Xangai, na China, onde estreia amanhã contra o seu compatriota Feliciano López.

Nadal explicou que no sábado à noite, logo depois de chegar em Xangai, começou a sentir uma forte dor estomacal. Ele foi a um hospital local e os médicos lhe deram duas opções: passar por uma operação ou fazer um forte tratamento com antibióticos.

O tenista espanhol disse que preferiu os remédios e que, desde então, se sente cada vez melhor, embora tenha admitido estar bastante frágil após ficar de cama durante praticamente 48 horas, seguindo uma dieta leve.

Por já estar em Xangai e ter conseguido treinar normalmente por 45 minutos hoje, Nadal disse que vai arriscar. Mas afirmou que deve esperar até a hora do jogo para avaliar como se sente e decidir se entra em quadra ou não.

Apesar de ter optado pelos medicamentos, o espanhol revelou que deve ser operado em breve para que o problema não reapareça em outra ocasião, por exemplo, durante o Aberto da Austrália.

“Por enquanto não pude pensar muito nisso. Só penso que ainda estou em Xangai e quero tentar”, explicou o tenista, acrescentando que conversará com seus médicos na Espanha para definir o tratamento definitivo.

“Sei que não vou estar nas condições ideais, mas também sei que a essa altura, e estando aqui em Xangai, o único risco é perder ou não jogar a estreia. Não estou em um momento em que ser derrotado vá afetar minha confiança”, concluiu.

Nadal lembrou que, após sua recente lesão no punho direito em julho, não esperava nenhum resultado positivo em seu retorno, especialmente nos dois torneios da China, nos quais queria apenas retomar o ritmo de jogo e avançar o máximo possível na competição.

O ano do espanhol tem sido marcado pelos problemas físicos. Além do punho, Nadal iniciou a temporada com uma lesão nas costas, ocorrida durante o aquecimento para a final do Aberto da Austrália. EFE