Nasr perde três posições no grid por atrapalhar Massa em treino classificatório

  • Por Agência Estado
  • 14/11/2015 19h16
Felipe Nasr acabou obrigando o compatriota Massa a sair da pista durante treino e por isso foi punido

Felipe Nasr vai perder três posições no grid de largada do GP do Brasil de Fórmula 1, neste domingo. O piloto brasileiro foi punido pelos comissários da prova por atrapalhar o compatriota Felipe Massa no Q2, a segunda sessão do treino classificatório realizado neste sábado no autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Com a decisão dos comissários, Nasr iria pular do 11.º para o 14 º lugar do grid em sua primeira corrida em Interlagos pela Fórmula 1, mas foi ajudado por uma punição maior do australiano Daniel Ricciardo, de 10 posições, e assim o piloto da Sauber sairá da 13.ª colocação. O brasileiro havia sido um dos destaques da classificação ao mostrar boa evolução em comparação aos treinos livres. Acostumado a ser eliminado no Q2, ele quase avançou ao Q3.

Antes disso, porém, se envolveu em leve incidente com Felipe Massa. Nos instantes finais do Q2, ele impediu a passagem do piloto da Williams, que fazia volta rápida na briga para ir ao Q3. Sem ver o compatriota abrir espaço, Massa precisou sair da pista para evitar a colisão. Por essa razão, Nasr foi punido pelos comissários.

“Eu fui avisado que todos estavam sincronizados na mesma volta. A última mensagem que eu tinha era que o (Valtteri) Bottas estava atrás de mim, numa volta mais lenta. Infelizmente, ele e o Felipe (Massa) trocaram de posição na pista”, explicou Nasr logo ao sair do treino, referindo-se ao companheiro de Massa na Williams.

Com a punição do brasileiro, três pilotos foram beneficiados no grid deste domingo. O espanhol Carlos Sainz Jr., o mexicano Sergio Pérez e o sueco Marcus Ericsson, companheiro do brasileiro na Sauber, ganharam mais uma posição cada na largada.