Bellucci e Sá estendem parceria até o fim do ano e definem calendário

  • Por Estadão Conteúdo
  • 03/08/2017 16h15 - Atualizado em 03/08/2017 16h19

André Sá e Thomaz Bellucci precisaram de sete match points para derrotar os irmãos Murray

Depois dos Jogos Olímpicos do Rio, André Sá e Thomaz Bellucci voltaram a jogar juntos no último mês, no Torneio de Bastad

Os brasileiros Thomaz Bellucci e André Sá anunciaram nesta quinta-feira (3) que decidiram estender a parceria, iniciada no mês passado, até o fim do ano. Assim, Bellucci seguirá sendo treinado pelo veterano enquanto forma dupla com ele nas mesmas competições que disputará em simples.

A parceria teve início em julho, no Torneio de Bastad, na Suécia. Eles estiveram juntos também em Gstaad, na Suíça, e Kitzbühel, na Áustria, nesta semana. Depois deste “teste” nas três competições, eles decidiram ampliar o acordo até o fim do ano.

“Foi uma ótima experiência esses três torneios para conhecer melhor o Thomaz como jogador. Ele é uma cara muito profissional e responsável. Tivemos uma boa química logo no começo que ajudou muito e decidimos seguir com a parceria”, comentou Sá, após a participação dos dois em Kitzbühel – na Áustria, eles caíram na estreia nas duplas e Bellucci foi eliminado nas quartas de final.

Ao decidirem pela extensão do acordo, eles definiram o calendário até o fim da temporada. Eles vão retomar os torneios no ATP 250 de Winston-Salem, nos Estados Unidos, a partir do dia 20. Depois estarão juntos no US Open, com início marcado para 28 de agosto. Na sequência, vão jogar na Ásia, em Shenzhen, Pequim e no Masters 1000 de Shanghai.