Com camisa do Warriors, McGregor provoca Mayweather por traição e recebe críticas de astro da NBA

  • Por Jovem Pan
  • 24/07/2017 16h35 - Atualizado em 24/07/2017 16h41
Conor e Floyd ficaram frente a frente pela primeira vez nesta terça-feira

A luta entre Conor McGregor e Floyd Mayweather, marcada para o dia 26 de agosto em Nevada, EUA, ganhou mais um capítulo. E dessa vez, envolveu até um jogador da NBA. O atual campeão da liga de basquete, Draymond Green, é conhecido por ser um “falador” e não deixou barato ao ver o irlandês com a camisa do Golden State Warriors no Instagram.

We rocking with Floyd bro not you… take that off bruh @thenotoriousmma

Uma publicação compartilhada por Draymond Green (@money23green) em

Na foto, o lutador de MMA está vestindo a camisa 23, número que hoje é usado pelo próprio Green. Irritado, o americano postou em sua rede social a foto de McGregor e disse: “Estamos com Mayweather, não com você… Tire essa camiseta”. O irlandês, que não leva desaforo para casa, rebateu dizendo que a camiseta que ele estava usando é de CJ Watson – hoje no Orlando Magic – e que nem conhecia Dreymond Green, além de falar que nem liga para basquete.

Mas, se McGregor não gosta de basquete, o que ele estava fazendo com a camisa do time da Califórnia? Provocando seu adversário!

Em 2010, Mayweather foi acusado de bater em sua mulher, Josie Harris, após vê-la trocar mensagens com Watson. E esta não seria a primeira vez – o boxeador já esteve foi acusado de bater outras vezes na mãe de quatro dos seus cinco filhos.

Por fim, Green respondeu ao post do lutador de MMA com um breve currículo, falou que ele era apenas um “troll”, lembrou da derrota do irlandês para Nate Diaz no UFC 196 e mandou McGregor treinar antes de enfrentar Money May. Esta luta promete!