Murray, Nadal, Wawrinka e Djokovic lutam pela liderança do ranking em Wimbledon

  • Por Estadão Conteúdo
  • 03/07/2017 11h29 - Atualizado em 03/07/2017 11h32

Andy Murray quebrou 10 saques nos 15 games disputados contra Andrey Kuznetsov

EFE Murray é o atual campeão de Wimbledon

A atualização desta segunda-feira do ranking da ATP não traz grandes alterações, tanto que os 13 primeiros colocados são os mesmos da semana passada, mas a disputa de Wimbledon deverá provocar mudanças profundas na lista, o que inclui a possibilidade de alteração na sua liderança. Afinal, são quatro os tenistas que podem ter a condição de tenista número 1 do mundo ao fim do Grand Slam londrino: Andy Murray, Rafael Nadal, Stan Wawrinka e Novak Djokovic.

Murray chega a Wimbledon como líder do ranking, com 9.390 pontos, e atual campeão, sendo que precisa ser finalista para manter a ponta da lista. Nadal é o segundo colocado, com 7.285 pontos, e também precisa chegar à decisão para voltar a ser número 1 do mundo – a chave indica a possibilidade de uma semifinal entre o britânico e o espanhol.

Wawrinka é o terceiro colocado do ranking com 6.175 pontos e precisa faturar o título de Wimbledon para assumir a dianteira do tênis mundial, sendo que ele pode ser encontrar com os dois primeiros da lista da ATP antes mesmo da decisão.

EFE

Já Djokovic chega a Wimbledon após faturar o título do Torneio de Eastbourne, no último fim de semana, o que o levou aos 6.055 pontos, em quarto lugar no ranking. E para se tornar novamente o número 1 do mundo, o sérvio terá que ser campeão do Grand Slam londrino e ainda contar com as eliminações de Murray e Nadal antes das semifinais.

Os quatro primeiros colocados do ranking são seguidos em ordem pelo suíço Roger Federer, pelo croata Marin Cilic, pelo canadense Milos Raonic e pelo austríaco Dominic Thiem, o número 8 do mundo, que na última semana decepcionou ao ser eliminado no seu jogo de estreia no Torneio de Antalya, na Turquia. E a relação dos dez primeiros colocados do ranking antes da disputa de Wimbledon é completada pelo japonês Kei Nishikori e pelo francês Jo-Wilfried Tsonga.

Já os brasileiros do Top 100 perderam posições nesta atualização do ranking. Thomaz Bellucci, que caiu na estreia em Eastbourne, perdeu dois postos e agora é o número 55 do mundo. Rogério Dutra Silva, eliminado na primeira rodada do evento turco, agora é o 69º colocado, uma posição abaixo do que figurava na semana anterior. Já Thiago Monteiro despencou dois lugares e está em 100º.

EFE

Campeão na Turquia na última semana, o japonês Yuichi Sugita ascendeu 22 posições no ranking e agora ocupa a 44ª colocação.

Confira a classificação atualizada do ranking da ATP:

1º – Andy Murray (GBR), 9.390 pontos
2º – Rafael Nadal (ESP), 7.285
3º – Stan Wawrinka (SUI), 6.175
4º – Novak Djokovic (SER), 6.055
5º – Roger Federer (SUI), 5.265
6º – Marin Cilic (CRO), 4.235
7º – Milos Raonic (CAN), 4.150
8º – Dominic Thiem (AUT), 3.895
9º – Kei Nishikori (JAP), 3.830
10º – Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 3.075
11º – Grigor Dimitrov (BUL), 3.070
12º – Alexander Zverev (ALE), 3.070
13º – David Goffin (BEL), 2.785
14º – Gael Monfils (FRA), 2.695
15º – Tomas Berdych (RCH), 2.570
16º – Lucas Pouille (FRA), 2.570
17º – Pablo Carreño Busta (ESP), 2.360
18º – Jack Sock (EUA), 2.335
19º – Roberto Bautista Agut (ESP), 2.155
20º – Nick Kyrgios (AUS), 2.110

55º – Thomaz Bellucci (BRA), 862
69º – Rogério Dutra Silva (BRA), 708
100º – Thiago Monteiro (BRA), 544
150º – João Souza (BRA), 379