Nadal perde set, mas bate japonês e se garante na 3ª rodada do US Open

  • Por Estadão Conteúdo
  • 01/09/2017 10h58 - Atualizado em 01/09/2017 10h59
Em quase três horas de partida, Nadal venceu o japonês Taro Daniel no US Open

Poucas horas depois de Roger Federer sofrer para vencer seu segundo jogo no US Open, o espanhol Rafael Nadal seguiu caminho semelhante. O número 1 do mundo perdeu seu primeiro set no Grand Slam norte-americano e precisou de quase três horas para superar o japonês Taro Daniel, atual 121º do ranking, por 3 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/3, 6/2 e 6/2.

Na estreia, Nadal vencera o sérvio Dusan Lajovic em sets diretos, mas com certa dificuldade. Nesta madrugada de quinta para sexta (horário de Brasília), o espanhol foi surpreendido pelo japonês no set inicial e sofreu para engrenar na segunda parcial.

Na terceira rodada, o líder do ranking vai encarar o argentino Leonardo Mayer, que eliminou outro japonês, Yuichi Sugita, por 6/7 (3/7), 6/4, 6/3 e 6/4. Nadal e o 59º do ranking já se enfrentaram três vezes no circuito. E o espanhol venceu todos os confrontos.

Nesta noite, Taro Daniel jogou de igual para igual contra o dono de dois títulos em Nova York. No nono game, o japonês faturou a quebra de saque necessária para abrir vantagem. E, no game seguinte, fechou o set, surpreendendo o público presente na Arthur Ashe Stadium, a quadra central do US Open.

Embalado, o japonês começou melhor a segunda parcial e voltou a quebrar o saque do favorito no terceiro game, abrindo 2/1. Desta vez, Nadal reagiu prontamente e devolveu a quebra. Obteve ainda outra no oitavo game e fechou o set, empatando a partida.

Com a torcida a seu favor, o líder do ranking deslanchou no terceiro set. Abriu 5/1 antes de fechar o set, virando o jogo. Na quarta parcial, Nadal obteve mais duas quebras e selou a vitória, após 2h53min. O vencedor encerrou o jogo com 40 bolas vencedoras (contra 26 do japonês) e anotou 35 erros não forçados (contra 38 do rival).

THIEM E GOFFIN SOFREM – Depois de uma estreia tranquila, o austríaco Dominic Thiem suou nesta noite para superar o local Taylor Fritz em quatro sets. Um dos tenistas mais regulares da temporada, o sexto cabeça de chave venceu com parciais de 6/4, 6/4, 4/6 e 7/5. Seu próximo adversário será o francês Adrian Mannarino.

O belga David Goffin voltou a ter dificuldades na quadra dura de Nova York. Após estrear com vitória em quatro sets, o nono pré-classificado precisou de cinco parciais para eliminar o argentino Guido Pella: 3/6, 7/6 (7/5), 6/7 (2/7), 7/6 (7/4) e 6/3. Goffin fechou o jogo após 4h19min de batalha.

Na terceira rodada, o tenista da Bélgica vai enfrentar o francês Gael Monfils, que também teve um confronto complicado nesta quinta. O 18º cabeça de chave superou o local Donald Young por 3 sets a 2, com parciais de 6/3, 6/7 (3/7), 6/4, 2/6 e 7/5, em 3h16min.

Já o alemão Philipp Kohlschreiber contou com o abandono do colombiano Santiago Giraldo no terceiro set para avançar sem maiores problemas. Giraldo desistiu quando perdia por 6/2, 6/1 e 3/0. Na sequência, ele vai duelar com o australiano John Millman O vencedor deste confronto terá pela frente o vitorioso do duelo entre o suíço Roger Federer e o espanhol Feliciano López.