Queniana Brigid Kosgei vence São Silvestre 2019 de ponta a ponta

  • Por Jovem Pan
  • 31/12/2019 08h54 - Atualizado em 31/12/2019 09h32
ROBERTO CASIMIRO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOCorrida São Silvestre 2019 modalidade feminina

Brigid Kosgei, do Quênia, venceu a corrida de São Silvestre 2019 nesta terça-feira (31), em São Paulo, com extrema facilidade. Liderando a prova desde o início, a africana completou a prova com 48min54s, tornando-se a terceira atleta da modalidade a completar o circuito de 15 Km em menos de 50 minutos.

A vitória da queniana é a terceira consecutiva do país na São Silvestre. Nas últimas duas edições, as compatriotas Flomena Cheyech Daniel e Jemima Sumgong foram as ganhadoras.

Hoje, Brigid Kosgei liderou de ponta a ponta e chegou a flertar com o recorde entre as mulheres. Ela, no entanto, ficou atrás da também queniana Jemina Sumgong, que marcou 48min35s em 2016.

O Brasil, por sua vez, não tem um representante terminando a competição feminina em primeiro desde 2006, quando Lucélia Peres cruzou a linha de chegada na frente, na tradicional corrida de rua.

Na prova de 2019, a brasileira melhor colocada foi Graziele Zarri, que ficou em 11º, com o tempo de 54min56s.

Classificação

  1. Brigid Kosgei, Quênia, 48min54s
  2. Sheila Chelangat, Quênia, 50min10s
  3. Tisadk Alem Nigus, Etiópia, 50min12s