Pai avalia evolução de Falcao García: “60% recuperado”

  • Por Jovem Pan
  • 15/05/2014 10h31

Depois de lesionar joelho EFE Falcao Garcia em hospital

Em fase de recuperação de ruptura dos ligamentos do joelho esquerda, o centroavante Falcao García segue com presença incerta na Copa do Mundo deste ano. Mesmo pré-convocado pelo treinador José Pekerman para defender a Colômbia, o atleta ainda está longe de suas melhores condições físicas e ainda não sabe se poderá disputar a competição em território brasileiro, conforme divulgou o pai do atleta, Radamel García.
 “Ele está 60% recuperado de sua lesão. Agora é a fase em que deve adquirir resistência, força e velocidade. Uma combinação de coisas que são fundamentais para um jogador de alto rendimento”, afirmou o pai do centroavante em entrevista a rádio RCN.

Principal referência da Colômbia, Falcao não entra em campo desde 22 de janeiro deste ano, quando acabou lesionado durante a vitória de sua equipe, Monaco, por 3 a 0 sobre o Monts Or Azergues, em partida válida pela Copa da França. No lance, o atacante progrediu em velocidade na área e sofreu carrinho de adversário, rompendo os ligamentos do joelho esquerdo.

Operado poucos dias depois, o atleta sul-americano teve previsão de retorno entre seis e sete meses. No entanto, o entusiasmo com a possibilidade de disputar sua primeira Copa do Mundo acelerou a recuperação de Falcao, que acabou incluso na pré-lista de 30 jogadores chamados por Pekerman. Agora, o centroavante tem pouco mais de duas semanas para garantir presença na convocação definitiva, que será divulgada em 2 de junho.

“Ele não está pronto futebolisticamente, pois está adquirindo condições físicas e precisamos ver como será na sequência. Os médicos, que são conhecedores da causa, estimaram sua volta em seis ou sete meses. Ou seja, fazendo as contas, falta tempo ao meu filho”, encerrou o pai do atacante.