Palmeiras reage no segundo tempo e arranca empate com o Flamengo

  • Por Jovem Pan
  • 18/09/2014 00h00

Palmeiras e Flamengo ficaram em um empate por 2 a 2 no Estádio do Pacaembu

Folhapress Palmeiras e Flamengo se enfrentam no Estádio do Pacaembu

Palmeiras e Flamengo entraram em campo na noite desta quarta-feira (17), no Estádio do Pacaembu, com objetivos diferentes. O time paulista queria se afastar da zona de rebaixamento e o Flamengo tentava entrar na parte de cima da tabela. O duelo teve dois tempos distintos. No primeiro, o Palmeiras pouco rendeu e permitiu que o Rubro-Negro abrisse 2 a 0. Na etapa complementar, entretanto, a equipe comandada por Dorival Júnior melhorou muito dentro de campo e buscou o empate. Assim, o confronto terminou com placar de 2 a 2.

O Flamengo abriu 2 a 0 logo no primeiro tempo, quando Canteros e Alecsandro marcaram os gols do Rubro-Negro. No segundo tempo, o Palmeiras melhorou muito e Diogo e Victor Luis fizeram os gols do empate alviverde.

O resultado não é bom para o Palmeiras, que chega aos 22 pontos, mas volta a entrar na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Já o Flamengo sobe para 29 pontos e continua na zona intermediária da tabela de classificação.

O Flamengo volta a entrar em campo no domingo (21), às 16h (de Brasília), quando tem clássico contra o Fluminense, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). No mesmo dia, mas às 18h30, o Palmeiras mede forças com o Goiás, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

O jogo – A partida no Pacaembu começou com as duas equipes se estudando muito e movimentando bastante a bola, mas foi o Palmeiras que mostrou mais vontade nos minutos iniciais.

Apesar do bom início de partida e de ter permanecido com a posse de bola mais do que o adversário nos primeiros minutos, o Palmeiras largou em desvantagem. Com 12 minutos, após bola cruzada da esquerda, Juninho se atrapalhou e Canteros roubou a bola, mandando uma pancada para o gol, sem chances de defesa para Deola: 1 a 0.

O Palmeiras continuou com muitas dificuldades depois de tomar o primeiro gol. Juninho, jogando no meio de campo, continuou completamente perdido dentro de campo, errando muito. E o Flamengo não demorou a ampliar a vantagem.

Aos 32 minutos, bola foi enfiada por Léo Moura para Eduardo da Silva, o atacante ganhou na dividida com Deola e cruzou para Alecsandro que, embaixo do gol, mandou de cabeça e fez 2 a 0. Palmeiras reclamou muito de um toque de mão de Eduardo da Silva, que existiu, mas árbitro interpretou que não foi intencional.

Com 42 minutos no primeiro tempo, outro lance polêmico marcou presença no Pacaembu. A bola foi em direção a Henrique, dentro da área, e o camisa 19 do Palmeiras foi empurrado por João Paulo, mas árbitro não marcou pênalti, que existiu. O primeiro tempo terminou com o Flamengo vencendo por dois gols de diferença.

No intervalo, Dorival Júnior promoveu duas mudanças e tirou Henrique e Mouche para colocar Allione e Valdivia.

Logo no começo do segundo tempo, aos dois minutos, Lúcio deu chutão da defesa e Diogo aproveitou a bola, invadiu a área e chutou cruzado. A bola pegou no goleiro Paulo Victor antes de entrar no cantinho do gol. Palmeiras diminuiu a diferença: 2 a 1.

Dois minutos mais tarde, Allione assustou em chute de canhota. Paulo Victor quase aceitou o gol.

O Palmeiras continuou se impondo dentro de campo depois do primeiro gol, mas não conseguiu criar tantas oportunidades de gol nos minutos seguintes.

Porém, com 25 minutos, Valdivia fez a diferença. Após tabela com Diogo, o chileno mandou um passe perfeito para Victor Luis, que mandou uma bomba de canhota e empatou a partida. A bola pegou na trave antes de entrar no gol defendido por Paulo Victor: 2 a 2.

O Palmeiras quase virou o jogo aos 31, quando Renato fez boa jogada, finalizou de fora da área e mandou o arremate muito perto da trave direita de Paulo Victor.

Pouco depois de dar um excelente passe para o segundo gol, Valdivia perdeu a cabeça e, aos 37, foi expulso de forma direta. O chileno derrubou Amaral e ainda deu um pisão no adversário. Conduta péssima do palmeirense não deixou dúvidas no árbitro.

O cartão vermelho tomado por Valdivia esfriou o ânimo do Palmeiras em campo e, aos 38, quase que o Flamengo marcou o terceiro. Canteros deu passe para Elton, que finalizou sem goleiro, mas Lúcio salvou o gol em cima da linha.

O Flamengo voltou a assustar aos 40, quando Alecsandro finalizou de fora da área e acertou a trave de Deola. No rebote, Elton chegou para fazer o gol, mas assistente marcou impedimento.

Allione recebeu bola na área, aos 42, mas foi travado na hora certa por João Paulo, que evitou a chance do Palmeiras de fazer o terceiro.

Nos minutos finais, o Flamengo buscou o terceiro, mas o Palmeiras defendeu-se bem e saiu de campo com um empate até que agradável diante das circunstâncias. Verdão saiu aplaudido de campo.