Panamericano de Toronto 2015 inicia busca por 20 mil voluntários

  • Por Agencia EFE
  • 07/04/2014 21h45
MEX48. GUADALAJARA (MÉXICO), 20/11/2011.- Atletas brasileños se despiden de los aficionados hoy, domingo 20 de noviembre de 2011, durante la ceremonia de clausura de los Juegos Parapanamericanos Guadalajara 2011 en Guadalajara ( México). EFE/Ulises Ruiz Basurto EFE/Ulises Ruiz Basurto Brasil termina Para-panamericano na liderança do quadro de medalhas

O comitê organizador dos Jogos Pan-Americanos Toronto 2015 iniciou nesta segunda-feira a campanha para recrutar, especialmente entre a comunidade latina, 20 mil voluntários que prestarão seus serviços durante o evento.

Os organizadores disseram que os voluntários serão a “coluna vertebral e embaixadores” da 17ª edição dos Jogos, do que se espera que seja o maior evento esportivo na história do Canadá.

Do lançamento do programa participaram a primeira-ministra da província de Ontário, onde se encontra Toronto, Kathleen Wynne, o executivo-chefe do comitê organizador, Saäd Rafi, funcionários de Toronto e alguns voluntários que já se inscreveram.

A cubana Gabriela González, de 25 anos, uma das primeiras voluntárias inscritas em Toronto 2015, disse à Agência Efe que é uma “oportunidade incrível” e que a participação dos latinos que residem em Toronto beneficiará à comunidade.

“Ser voluntária é muito importante. Sinto que sou parte da comunidade, me enriquece como pessoa e conheço outras pessoas” declarou Gabriela, que vive há 13 anos no Canadá.

“E os Jogos são uma oportunidade incrível. É uma oportunidade de sentir-nos orgulhosos de Toronto, da província, do país, e é uma oportunidade para nós como latinos para participar e ser parte de um evento que vai mudar a história”, acrescentou.

A gerente de Línguas Oficiais do comitê organizador, Ximena Morris, encorajou as 200 mil pessoas de origem latino-americana que residem em Toronto e seus arredores para se tornarem voluntários.

“É uma oportunidade para a comunidade latino-americana porque poderemos apoiar nossos países, aqui no Canadá, e será incrível estar ali gritando por nossas equipes, apoiando nossos atletas e realmente fazê-los sentir em casa. É uma oportunidade única e muito especial”, disse Ximena Morris.

A dirigente acrescentou que há uma grande variedade de postos que serão ocupados por voluntários, desde pessoas que receberão os atletas, até médicos especializados em exame antidoping e motoristas.

Os organizadores preveem que 15 mil atletas e delegados de todos os países do continente americano participarão dos Jogos Pan-Americanos e Parapan-Americanos Toronto 2015.

González disse que os eventos “vão pôr Toronto em uma escala mundial incrível. Temos 50 países que vão vir a Toronto. Vão conhecer nossa cultura, comida e economia. É uma plataforma para conseguir coisas ainda mais incríveis para o futuro”.