Para seguir sonhando com título, Renato Augusto mira sequência fora de casa

  • Por Jovem Pan
  • 23/09/2014 08h21
durante o jogo entre Corinthians/SP x Palmeiras, realizado esta tarde na Arena Corinthians, valido pela 12a. rodada do Campeonato Brasileiro de 2014. Juiz: Sandro Meira Ricci - Sao Paulo/Brasil - 27/07/2014. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. CorinthiansMano Menezes dá instrução à Renato Augusto em clássico

Não é impossível o título do Campeonato Brasileiro acabar nas mãos do Corinthians. É isso o que pensa Renato Augusto, principalmente depois da vitória sobre o rival São Paulo. Para manter esse sonho vivo, o meia mira duas vitórias fora de casa na sequência do torneio, mas avisa que uma possível euforia ficará apenas nas arquibancadas alvinegras.

Com 40 pontos, o Corinthians é o quarto colocado com nove pontos a menos que o Cruzeiro. “Impossível não é [o título], porque o campeonato é diferente dos outros. O primeiro perde para o último, e por aí vai. Temos chance. Mas temos de fazer o nosso campeonato, a partir daí as coisas vão acontecer naturalmente. Acredito que podemos subir um pouco mais na tabela”, afirmou o meia corintiano. 

Terminar dentro do G-4, para o meia, não será um fracasso, já que o Campeonato Brasileiro demonstra uma competitividade alta. “A vaga na Libertadores não chega a ser um título, mas este é o campeonato mais difícil do mundo. Terminar entre os três, quatro primeiros, é sinal de que fizemos uma boa temporada”, opinou. 

Os próximos confrontos corintianos são fora de seus domínios. Figueirense, em Santa Catarina e Atlético Paranense, em Curitiba. “A meta é somar seis pontos, vamos brigar pelas duas vitórias. Se queremos ser campeões, brigar pela Libertadores, temos de buscar a vitória também fora de casa”. O Corinthians não vence longe de Itaquera desde o dia 10 de agosto quando bateu o Santos, na Vila Belmiro, por 1 a 0.