Pelé: “Lamento a morte do meu irmão Eusébio”

  • Por Agência EFE
  • 05/01/2014 20h19
SÃO PAULO, SP - 16.10.2013: COLETIVA/PELÉ/MIS - O ex-jogador de futebol Edson Arantes do Nascimento, mais conhecido como ‘Rei Pelé‘, durante coletiva para anunciar o lançamento do livro ‘1283‘ (o nome é uma referência ao número de gols marcados pelo Rei do Futebol), no Museu da Imagem e do Som (MIS), na região sul da cidade de São Paulo, nesta quarta-feira (16). (Foto: Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press/Folhapress) Folhapress Veja caras e bocas de Pelé durante lançamento de seu livro

Rei do futebol, Pelé lamentou neste domingo a morte do ex-atacante português Eusébio, a quem chamou de “irmão”, por meio de posts publicados em sua conta oficial no Twitter.

“Lamento a morte do meu irmão Eusébio”, escreveu o brasileiro, em mensagem que contava com uma foto dos ex-atletas juntos, antes de deixar suas condolências aos familiares do Pantera Negra.

Pelé ainda escreveu sobre a amizade que manteve com o português, que morreu na madrugada de hoje, devido uma parada cardiorrespiratória aos 71 anos.

“Ficamos amigos na Copa de 66 na Inglaterra. Nosso último encontro foi no recente jogo entre Brasil e Portugal em Boston”, postou o Atleta do Século.

Nascido em 1942, em Maputo, em Moçambique, Eusébio conquistou 11 títulos do Campeonato Português, cinco Taças de Portugal, e uma Liga dos Campeões da Europa (então Copa da Europa), em 1962. Três anos depois recebeu o prêmio Bola de Ouro de melhor jogador do mundo, um ano antes de terminar em terceiro lugar na Copa do Mundo da Inglaterra.