Pequim apresenta 6 embaixadores de candidatura para sediar Jogos de Inverno

  • Por Agência EFE
  • 10/02/2015 14h29
Escultura de um sapo dourado gigante em Pequimapo dourado gigante em Pequim

A candidatura de Pequim para sediar os Jogos Olímpicos de Inverno de 2022 recebeu nesta terça-feira o apoio de seis ídolos do esporte na China, entre eles o ex-jogador de basquete Yao Ming, que foram nomeados embaixadores da tentativa da cidade de receber o evento.

Além de Ming, foram escolhidos o saltador Hou Bin, campeão paralímpico no salto em altura; os patinadores Shen Xue e Zhao Hongbo, campeões olímpicos na patinação artística nos Jogos de Inverno de 2010, em Vancouver; a esquiadora Li Nina, prata no esqui estilo livre em 2006 e 2010; e o também patinador Zhang Hong, medalha de ouro nos 1000 metros da patinação em velocidade nos Jogos de Sochi, no ano passado.

Os seis ídolos chineses manifestaram apoio a Pequim em um evento na capital em presença do vice-presidente do comitê que administra a candidatura, Zhang Jiandong, e do secretário-geral do Comitê Olímpico Chinês, Song Luzeng.

“Acho que a candidatura de Pequim para 2022 é uma oportunidade excelente”, declarou Ming, que lembrou que a cidade “já tem experiência como anfitriã depois dos Jogos de 2008”.

Hongbo, por sua vez, lembrou que a candidatura de Pequim ajuda despertar em mais cidadãos chineses o interesse por esportes de inverno, enquanto Hong destacou ter certeza de que a atmosfera será fantástica dentro do estádio se a China sediar os Jogos.

A cidade escolhida para receber os Jogos de Inverno de 2022 será escolhida em 31 de julho deste ano. Pequim concorre com Almaty, no Cazaquistão.