Petros desabafa sobre polêmica com juiz: “fui muito julgado e crucificado”

  • Por Jovem Pan
  • 12/09/2014 09h01
durante o jogo entre Corinthians/SP x Atletico Mineiro/MG, realizado esta noite na Arena Corinthians, valido pela 20a. rodada do Campeonato Brasileiro de 2014. Juiz: Dewson Fernando F. da Silva - Sao Paulo/Brasil - 11/09/2014. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. CorinthiansPetros celebra gol na Arena Corinthians

Centro de uma das maiores polêmicas do futebol brasileiro nesse ano, Petros comemorou o gol decisivo na vitória corintiana sobre o Galo por 1 a 0, em jogo válido pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. O meia balançou as redes da Arena Corinthians no mesmo dia em que teve sua pena reduzida de seis meses de gancho para apenas três partidas pelo STJD [Supremo Tribunal de Justiça Desportiva] por contra de uma agressão ao árbitro Raphael Claus.

Com a certeza de sua pena reduzida, o jogador desabafou após o final do duelo diante do Atlético-MG, na Arena Corinthians. “Esses últimos 18 dias não foram muito fáceis. Fui muito julgado e muito crucificado e isso doeu bastante porque não sou essa pessoa tão ruim como passaram para as pessoas”, disse. 

O volante não quis comentar mais sobre o caso. “Prefiro não falar, melhor calar sobre o assunto. O que eu tinha de falar, já falei. Mas ficou de bom tamanho (os três jogos)”, declarou. 

Fora dos próximos quatro jogos [já que também recebeu o terceiro cartão amarelo no duelo diante do Galo], Petros disse querer olhar para o futuro. “Agradeço muito à minha família por estar do meu lado, porque só eles e eu sabemos o quanto foi difícil esse período. Procurei trabalhar em silêncio e concentrado à espera desse momento. Se eu não estava feliz, não tinha porque ficar sorrindo. Agora é bola para frente, é um novo Petros que vai ajudar ainda mais nosso manto sagrado”, finalizou.

Sem Petros, o Corinthians visita o Flamengo no próximo domingo (14), em jogo válido pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. O volante estará liberado para o duelo diante do Atlético-PR, no dia 28 de setembro, pela 25ª rodada.