PF prende traficante mexicano que veio ao país para Copa

  • Por EFE
  • 17/06/2014 12h13
Marco Aurélio Mello

A Polícia Federal (PF) deteve na noite de ontem um cidadão mexicano que era procurado por tráfico de drogas, inclusive nos Estados Unidos, e que veio ao País para acompanhar a Copa e o jogo entre Brasil e México, a ser disputado nesta terça-feira, no Castelão, em Fortaleza.

Segundo fontes policiais, o suposto traficante, de 49 anos e que não teve sua identidade revelada, tinha um mandato de prisão por tráfico de metanfetaminas na cidade de Guadalajara e, por isso, acabou sendo detido no Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro.

A prisão, decretada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, ocorreu ontem por volta das 23h50, quando o traficante tentava embarcar para Fortaleza, onde acompanharia a partida entre Brasil e México, já que havia ingressos para a partida citada entre seus pertences.

De acordo com a PF, o mexicano, que estava hospedado em um hotel do Rio de Janeiro junto de sua esposa e seus dois filhos, de 29 e 17 anos de idade, entrou no país na última quarta-feira, às vésperas da partida de abertura da Copa, vindo da Argentina (por Foz do Iguaçu).

Como seu nome estava em uma lista de procurados pela Interpol, a polícia alertou as autoridades americanas, que por pediu a extradição do mesmo. No entanto, o mexicano seguirá preso no País até o término do processo no STF.