Piloto morre após acidente durante prova da Fórmula 2

  • Por Jovem Pan
  • 31/08/2019 14h07
Reprodução

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) anunciou que o piloto Anthoine Hubert, 22 anos, morreu neste sábado (31), após se envolver em um grave acidente durante a corrida 1 da Fórmula 2 em Spa-Francorchamps.

Logo após o acidente, a prova foi interrompida e já circulava suspeitas preliminares de que uma tragédia poderia ter acontecido, após a Mercedes cancelar uma a entrevista coletiva que estava marcada para após a corrida.

O acidente aconteceu na segunda volta e envolveu três pilotos Juan Manuel Correa, Anthoine Hubert e Marino Sato. Correa iniciou todo o incidente quando perdeu o controle e acertou o carro de Hubert, que se chocou com a proteção de pneus. Sato vinha em alta velocidade e não conseguiu evitar o choque com o carro de Hubert.

Confira o comunicado da FIA

A Federação Internacional de Automobilismo lamenta informar que um grave incidente envolvendo os carros nº 12, 19 e 20 ocorreu às 17h07 (horário local) de 31 de agosto de 2019 como parte da corrida da F2 em Spa-Francorchamps. A cena foi imediatamente coberta por equipes médicas e de emergência, e todos os pilotos foram levados ao centro médico.

Como resultado do incidente, a FIA lamenta informar que o piloto do carro 19, Antoine Hubert, sucumbiu aos ferimentos e morreu às 18h35.

O piloto do carro 12, Juan Manuel Correa, está em condições estáveis e está sendo tratado no hospital de Liège. Mais informações sobre sua condição serão fornecidas quando estiverem disponíveis.

O piloto do carro 20, Giuliano Alesi, foi chegado e declarado apto no centro médico.

A FIA dá todo o suporte para os organizadores do evento e as autoridades e iniciou uma investigação sobre o incidente.