Piqué reconhece importância de Guardiola ao Barcelona: “marcou a todos”

  • Por EFE
  • 18/10/2016 14h12
Piqué comemora o gol da virada do Barcelona sobre o Borussia Mönchengladbach

O zagueiro espanhol Gérard Piqué, do Barcelona, admitiu nesta terça-feira que considera especial mais um reencontro com o compatriota Josep Guardiola, que comanda o Manchester City, em duelo que acontecerá amanhã, pela Liga dos Campeões da Europa.

“A ideia que temos de Pep é a melhor possível. Guardamos uma grandíssima lembrança da sua passagem. Ele marcou a todos”, garantiu o defensor, que trabalhou com o treinador de 2008 até 2012.

Piqué revelou que, para ele, houve um “antes e depois” desde a afirmação de Guardiola como técnico, e que todos aqueles que foram comandados pelo espanhol passaram a entender o futebol de outra maneira. O zagueiro, no entanto, evitou fazer comparações com o também espanhol Luis Enrique, hoje a frente do Barça.

“Com ambos, ganhei muitas coisas, em títulos, mas também no pessoal. Sempre me dei bem com os dois. Luis te dá muitas coisas. Estávamos em baixa com Tata (Martino), e ele chegou e nos reacendeu. Foi o mesmo que fez Guardiola após (Frank) Rijkaard. Foram dois momentos muito parecidos”, avaliou.

O zagueiro da seleção espanhola destacou que, desde a chegada do ex-técnico do Barça ao Manchester City, na pré-temporada, há uma evidente evolução na equipe inglesa.

“Ele fez com que mudassem a forma de ver o futebol, e isso fará com que seja um grande desafio para nós. É um jogo muito parecido com o nosso. Tentarão ter a bola e criar oportunidades de gol”, disse Piqué, garantindo que o Barça não mudará as características que têm.