Piquet recorda ultrapassagem histórica e afirma que Senna sempre jogou sujo

  • Por Jovem Pan
  • 31/07/2015 11h22
Em entrevista ao blog do Ico

Grandes pilotos brasileiros na Fórmula 1 nos anos 80, Ayrton Senna e Nelson Piquet nunca se bicaram e isso todos sabem. Em entrevista exclusiva ao blogueiro do UOL, Luís Fernando Ramos Ico, direto do circuito de Hungaroring, na Hungria, Piquet relembrou os duelos com Senna e ainda afirmou que o compatriota era um piloto “sujo” nas pistas.

“Ele (Senna) sempre foi muito sujo na sua carreira. Ganhou o campeonato de F-3 porque ele bateu no Martin Brundle, em Brands Hatch, na última corrida, acabou com o carro em cima. Fez o mesmo com Prost em 90 para ganhar o campeonato. Eu não concordo com isso. No automobilismo, você precisa ser limpo. Quer ser campeão? Tudo bem. Mas precisa ser limpo. Ele não era limpo na pista. Foi por isso que mostrei o dedo do meio para ele”, afirmou Piquet ao blogueiro do UOL.

De acordo com a publicação de Ico, em bate papo com jornalistas na Hungria, Piquet recordou a histórica ultrapassagem sobre Senna, no GP de Hungaring, em 1986, quando passou o adversário por fora da curva.

“Senna era um piloto horrível, era fácil ultrapassá-lo”, afirmou o ex-piloto em tom de brincadeira, segundo o blogueiro. “Você viu toda a ultrapassagem? Você viu as duas voltas anteriores? Olhando com calma, na primeira vez eu tento por dentro, e ele me empurra para o lado sujo da pista. E na segunda vez ele tenta fazer o mesmo. Mas ao invés de ir para a direita, eu coloco de lado pela esquerda e ele não esperava isso”, recordou.