Pistorius é levado à prisão de Pretória onde cumprirá sua pena

  • Por Jovem Pan
  • 21/10/2014 10h43
Oscar Pistorius é levado à cadeia em Pretória

O atleta sul-africano Oscar Pistorius deu entrada nesta terça-feira na prisão Kgosi Mampuru, na cidade de Pretória, onde cumprirá cinco anos de prisão pela morte de sua namorada, a modelo Reeva Steenkamp.

Pistorius foi transferido para a penitenciária em um furgão policial cerca de duas horas depois que a juíza Thokozile Masipa ditou sua sentença no Tribunal Superior de Pretória.

Antes de ocupar sua cela, Pistorius será submetido a exames médicos pelo pessoal do centro penitenciário, informou a agência de notícias sul-africana “SAPA”.

O atleta ocupará uma cela individual na seção hospitalar da prisão, por ser portador de necessidades especiais, segundo informações do diretor nacional da Autoridade Penitenciária da África do Sul, Zach Modise.

Masipa descartou na sentença que o corredor – que teve as duas pernas amputadas quando tinha 11 meses de idade por conta de um problema genético – não teria o atendimento devido nas prisões sul-africanas.

Essa era uma das alegações da defesa, que pedia uma pena de prisão domiciliar e trabalhos sociais.

Na madrugada de 14 de fevereiro de 2013, Pistorius atirou e matou sua namorada, Reeva Steenkamp, através da porta fechada de um banheiro de sua casa.

A juíza aceitou a versão do atleta, que alegou ter disparado ao confundir sua namorada com um invasor, e o condenou por homicídio culposo por considerar que Pistorius não tinha a intenção de matar a pessoa que estava no banheiro.

No entanto, Masipa concluiu que Pistorius agiu com um “alto grau de negligência” ao atirar até quatro vezes contra a ameaça percebida.

Pistorius, de 27 anos, se transformou no primeiro corredor amputado da história a disputar uma prova dos Jogos Olímpicos, em Londres 2012, com atletas sem necessidades especiais.