Pleno do STJD absolve Corinthians por escalação irregular de Petros

  • Por Jovem Pan
  • 27/11/2014 12h38
durante o jogo entre Corinthians/SP x Atletico Mineiro/MG, realizado esta noite na Arena Corinthians, valido pela 20a. rodada do Campeonato Brasileiro de 2014. Juiz: Dewson Fernando F. da Silva - Sao Paulo/Brasil - 11/09/2014. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. CorinthiansPetros celebra gol na Arena Corinthians

O Corinthians pode respirar tranquilo. Na manhã desta quinta-feira, o clube foi definitivamente absolvido da acusação de escalação irregular do volante Petros no julgamento do tribunal pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). A decisão foi acompanhada por advogados de Internacional e Grêmio, clubes interessados na punição dos paulistas. A CBF foi punida com multa de R$ 10 mil por conta do erro.

Com a decisão a favor do Timão, os alvinegros continuam na 3ª posição do Campeonato Brasileiro com 66 pontos, três a mais que o Inter e seis na frente do Tricolor. Caso fosse punido, os alvinegros perderiam quatro pontos, o que deixaria a briga pela Libertadores mais aberta.

O clube paulista havia sido absolvido por unanimidade no primeiro julgamento, realizado em outubro, mas a Procuradoria solicitou que o caso fosse levado ao Pleno.

Toda a confusão se deu por conta da escalação de Petros contra o Coritiba, em 3 de agosto. O camisa 42 ainda não tinha o seu novo contrato em vigor, o que aconteceria apenas no dia seguinte à partida. Mas um erro da CBF o liberou e seu nome apareceu no BID, colocando-o à disposição de Mano Menezes para o duelo.