Por boa campanha, Suárez destaca: “Uruguai não é apenas eu e Cavani”

  • Por Jovem Pan
  • 16/05/2014 09h09
Suárez 221110

De volta ao grupo de protagonistas do futebol inglês nesta temporada, o Liverpool teve Luis Suárez como principal jogador nos últimos meses. Artilheiro da equipe britânica, o atleta uruguaio está pré-convocado para defender a seleção de seu país na Copa do Mundo deste ano e, caso não haja nenhuma surpresa, formará dupla ofensiva com o também renomado Edinson Cavani (Paris Saint-Germain). Entretanto, o atacante optou por não citar destaques individuais no grupo chamado pelo treinador Oscar Tabarez.

“Tentamos marcar gols e ajudar nossa seleção o máximo que podemos. O mais importante é que seremos 23 jogadores na Copa, então dependeremos de todos os convocados, não só de mim e de Cavani”, afirmou o atleta sul-americano.

Quarto colocado no Mundial de 2010, na África do Sul, o Uruguai chega ao torneio disputado em território brasileiro como cabeça de chave do Grupo D, onde mede forças com as tradicionais Itália e Inglaterra, além da Costa Rica. Na única chave com três campeões da competição, Suárez prevê equilíbrio na disputa pela classificação.

“O importante é passar de fase, seja em qual posição for. Para mim, este o grupo mais difícil da Copa. Trataremos de fazer o melhor para chegarmos ao mata-mata”, encerrou o atacante, que foi artilheiro da última edição do Campeonato Inglês, com 31 gols em 33 partidas pelo Liverpool.