Punido pelo STJD, Mano Menezes é suspenso por dois jogos no Cruzeiro

  • Por Estadão Conteúdo
  • 28/09/2016 21h23
RJ - BOTAFOGO/CRUZEIRO - ESPORTES - Técnico Mano Menezes durante Botafogo x Cruzeiro em jogo válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil, realizada no Arena Botafogo no Rio de Janeiro, RJ. 01/09/2016 - Foto: CELSO PUPO/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOMano Menezes foi suspenso por criticar o árbitro da partida entre Cruzeiro e Botafogo

Em situação complicada no Brasileirão, o Cruzeiro sofreu um duro revés nesta quarta-feira. Em julgamento no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, o técnico Mano Menezes foi suspenso por dois jogos, assim como o auxiliar Sidnei de Espírito, ficando de fora das partidas contra o Grêmio, no sábado, e a Ponte Preta, no dia 8 de outubro.

Mano e seu auxiliar foram punidos por causa de críticas feitas ao árbitro Rafael Traci na partida contra o Botafogo, no dia 11 deste mês, no Mineirão. No jogo válido pela 24ª rodada, o time carioca levou a melhor sobre o mineiro pelo placar de 2 a 0.

O treinador cruzeirense teria criticado o árbitro, segundo a súmula, ao fim da partida. “Vai ver o impedimento que o seu bandeira deu no final e na falta que você marcou no segundo gol, seu sem vergonha”, afirmara Mano. Depois, ele também comentou sobre a atuação de um dos assistentes do jogo. “Ele é muito fraco, é muito burro”.

O Cruzeiro, que vive sob a ameaça do rebaixamento, poderá recorrer da decisão do STJD. O time mineiro ocupa o 17º lugar da tabela do Brasileirão, a um ponto do Figueirense, primeira equipe fora da zona da degola.