Real Madrid anuncia acordo com Microsoft e esfria boatos sobre naming rights

  • Por Agência EFE
  • 18/11/2014 18h41

Real Madrid selou acordo com Microsoft para concretizar "transformação digital" no clube merengue

Real Madrid anuncia acordo com Microsoft

Real Madrid e Microsoft anunciaram em acordo nesta terça-feira que representará uma “transformação digital” para o clube, mas que frustrou os que especulavam sobre um possível contrato de naming rights para o estádio Santiago Bernabéu.

A parceria, inicialmente de quatro anos, permitirá que o campeão europeu modernize ações de interatividade com torcedores, mas também que jogadores e comissão técnica utilize produtos e serviços em suas atividades de dia-a-dia.

“A partir desta aliança, o Real Madrid será capaz de estar mais próximos de seus fãs, em novas formas, se transformando e se apoiando na nuvem para ajudar jogadores a ir mais longe, com dispositivos, aplicativos e serviços”, garantiu o executivo-chefe da Microsoft, Satya Nadella.

Nos últimos meses, cresceram as especulações de que o clube “venderia” o nome do estádio Santiago Bernabéu. Chegou a ser divulgado, inclusive, acerto com a petrolífera IPIC (Companhia Internacional de Investimento em Petróleo) por valor equivalente a R$ 1,35 bilhão, o que não foi confirmado.

Com o anúncio de um evento com a participação da Microsoft, a imprensa europeia se antecipou, anunciando que havia chances de a empresa e o Real divulgarem a assinatura do acordo de naming rights.