Reforços marcam e Palmeiras bate time de Cuca em amistoso no Allianz Parque

  • Por Jovem Pan
  • 17/01/2015 19h05
SÃO PAULO, SP, 17.01.2015: FUTEBOL-PALMEIRAS - Leandro Pereira, do Palmeiras, comemora gol durante a partida - Partida amistosa entre Palmeiras x Shandong Luneng (clube chinês), no estádio Allianz Parque, na zona oeste de São Paulo, na tarde deste sábado (17). (Foto: Marcelo Machado de Melo/Fotoarena/Folhapress)Palmeiras bate time chinês por 3 a 1 em amistoso

O Palmeiras começou 2015 cheio de cara novas, em clima de festa e com vitória sobre o Shandon Luneng por 3 a 1, neste sábado (17), em amistoso disputado no Allianz Parque. A partida marcou a estreia de muitos reforços palmeirenses como Zé Roberto, Lucas, Leandro, entre outros. O adversário chinês contava com vários conhecidos como o técnico Cuca e os jogadores Montillo, Vagner Love e Aloísio.

Apesar do clima festivo nas arquibancadas, quem abriu o placar foram os chineses, com gol de Montillo após falha de Fernando Prass. Mas a equipe de Oswaldo de Oliveira não desanimou e iniciou a virada com gol do reforço Leandro Pereira. Na sequência, o ex-botafoguense Lucas colocou os donos da casa na frente. Na etapa final, Cristaldo, que havia entrado no lugar de Makyon Leite, deu números finais ao duelo.

No próximo sábado (31), o Palmeiras abre o Campeonato Paulista diante do Audax, fora de casa. Até lá, o técnico Oswaldo de Oliveira seguirá realizando testes com os novos nomes do elenco alviverde.

O jogo

Em clima de festa, o Palmeiras começou a partida em cima dos chineses. A torcida vibrava a cada jogada de reforços como Zé Roberto e Lucas e aproveita para pegar no pé de Vagner Love, atacante revelado pelo clube alviverde. Aos 11 minutos, Mendita cobrou escanteio na cabeça de Tobio, que testou com perigo por cima da meta chinesa e proporcionou a primeira chance de perigo da partida.

Apesar da vibração da torcida quem abriu o placar foi o Shandong Luneng. Aos 14 minutos, Montillo bateu falta em direção ao gol e, contando com a falha de Fernando Prass, anotou o primeiro gol da partida. A resposta palmeirense, no entanto, foi quase que imediata. Aos 17 minutos, Maikon Leite cruzou na medida para Leandro Pereira igualar para os donos da festa.

O Palmeiras criava boas chances que surgiam dos pés de Allione e Zé Roberto, mas não conseguia a virada. Em raras oportunidades, o time chinês assustava. Aos 32 minutos, o atacante Aloísio, ex-Sao Paulo, quase anotou um golaço ao tentar encobrir Fernando Prass. Antes do final da primeira etapa, Allione apareceu bem novamente e serviu Lucas, que bateu com desvio e virou o jogo para os alviverdes. Antes do intervalo, Zé Roberto ainda perderia um gol incrível para desespero dos presentes na Allianz Parque.

Na volta dos vestiários, o técnico Oswaldo de Oliveira promoveu algumas alterações como as entradas de Mouche, Cristaldo e João Paulo. Apesar de modificado, o Palmeiras manteve o ritmo e quase ampliou no início da etapa final. Aos sete minutos, Mouche cruzou e Amaral acertou o travessão chinês. 

Em jogada de velhos conhecidos do futebol brasileiros, quase que o Shandong Luneng chegou ao empate. Montillo cobrou falta da esquerda, Aloísio desviou e quase anotou o segundo dos asiáticos. No transcorrer da etapa final, Oswaldo de Oliveira ainda realizou mais testes como a entrada de Thiago Real e Victor Luis.

As muitas alterações diminuiram o ritmo da partida, mas os donos da casa ainda insistiam no ataque. Aos 30 minutos, Aryton lançou Cristaldo, que fuzilou o goleiro Yang Cheng para marcar o terceiro dos brasileiros. Mais tarde, o argentino ainda finalizaria com perigo e obrigaria o arqueiro chinês a realizar boa defesa.