Renato celebra possível titularidade e nega Palmeiras relaxado na última rodada

  • Por Jovem Pan
  • 06/04/2015 20h36

Renato deve ter a chance de substituir Arouca em compromisso desta quarta-feira

Renato

O Palmeiras terá alguns desfalques para a partida desta quarta-feira (8), contra o Ituano, válido pela 15ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista, e desta forma alguns atletas, tais como Renato, vislumbram a oportunidade de serem titulares no duelo. Nesta segunda, em entrevista coletiva, o volante revelado nas categorias de base do clube de Palestra Itália falou sobre a chance de atuar.

“O Palmeiras montou um elenco capaz e competente para que, na ausência dos titulares, tenha jogadores para suprir a necessidade da melhor forma. Sempre procuro trabalhar nos treinos para mostrar qualidade, e também já joguei neste ano. Tenho a cabeça boa para fazer um bom jogo”, disse o jogador, que deve entrar na vaga de Arouca, um dos suspensos ao lado de Fernando Prass, Vitor Hugo e Dudu.

“Como sou da base, sofremos bastante no ano passado por tudo o que aconteceu. Acho que o Palmeiras fez muito bem em trazer esses jogadores, sempre vi o Arouca e o Zé Roberto pela televisão e queria jogar com eles. É bom saber que, na ausência deles, podemos suprir da melhor forma possível. Temos treinado muito, e os jogadores experientes têm nos ajudado bastante”, frisou.

Apesar de o Palmeiras já estar classificado para as quartas de final do estadual, Renato garante que a equipe não vai relaxar na última rodada, já que melhorar na classificação geral do Paulistão é fundamental para ter a vantagem de atuar mais em casa na fase de mata-mata.

“A gente está tentando fazer o máximo de pontos para ficarmos bem na classificação geral, até porque todos sabem da história de jogar fora caso os grandes joguem em São Paulo. Temos de procurar pontuar o máximo possível para que a gente termine bem esta fase e jogue as quartas de final em casa”, falou. “A torcida é maravilhosa, é um fator que conta para a gente. Jogamos às 11 horas da manhã, não faz muito tempo, e tivemos 30 mil pessoas no estádio. O que a torcida vem fazendo para a gente está sendo excelente. Se conseguirmos jogar em casa, e tenho certeza de que conseguiremos, será muito melhor para a gente. Com o apoio da torcida e com os jogadores que contratamos, com certeza venceremos”, finalizou o meio-campista.

O Palmeiras é o líder do grupo 3, com 30 pontos, e já tem o Botafogo-SP como seu adversário definido nas quartas de final. O Palmeiras, que tem 30 pontos, busca uma vitória na última rodada para tentar ultrapassar o Santos, líder do grupo 4, com 31 pontos, na classificação geral e terminar a fase de classificação como segundo melhor time geral, somente atrás do Corinthians, que tem 36 pontos e não tem como ser ultrapassado mais.