“Ressuscitado”, Nobre destaca “primeira vez” e garante time forte em 2016

  • Por Jovem Pan
  • 03/12/2015 08h31
SÃO PAULO, SP - 28.10.2015: PALMEIRAS X FLUMINENSE - O técnico Marcelo Oliveira e o presidente Paulo Nobre (D), da SE Palmeiras, comemoram classificação para a final da Copa do Brasil contra a equipe do Fluminense FC, durante partida válida pelas semi-finais (volta) da Copa do Brasil, na Arena Allianz Parque. (Foto: Cesar Greco / Fotoarena)Emocionado

Presidente do Palmeiras desde 2013, quando assumiu o clube com a missão de retornar à elite do futebol brasileiro, Paulo Nobre finalmente pôde comemorar seu primeiro título de expressão a frente do Verdão. Emocionado após conquista da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira (03), Nobre passou pelo microfone da rádio Jovem Pan, festejou sua “primeira vez” com muito sofrimento, e garantiu o Palmeiras com uma equipe forte para 2016.

“Como presidente é a maior emoção que eu tive”, disse. “A emoção é muito grande. Eu queria dividir muito com todo mundo que participou dessa luta, dessa reviravolta que conseguimos fazer no Palmeiras. Estou muito orgulhoso da equipe e confiante que ano que vem temos uma base muito bem formada”, afirmou o cartola que momento antes havia dito aos jornalistas que gostaria de aproveitar “sua primeira vez”.

“Não consigo destacar nenhum momento onde fiquei calmo. Eu sabia que seria difícil até o final e pedi: ‘pelo amor de Deus, não vão para os pênaltis que vocês vão matar o presidente’. Eu morri e ressuscitei”, brincou Nobre.

Muito criticado em alguns momentos de sua administração, Paulo Nobre garantiu que, após o título, a base vencedora será mantida para a temporada 2016, quando o Verdão voltará a disputar a Libertadores.

“Depois todo esse ano difícil, conquistar a Copa do Brasil, com certeza a base vai ser mantida. Agora, o palmeiras tem que ter um time forte independente de estar na Libertadores ou não. Time grande, ou ele é grande, ou sofre muita pressão e com muita razão”, afirmou o presidente.

“Libertadores, Paulista, Copa do Brasil, Brasileirão, o que a gente disputar, vamos ter um time forte”, disse.

O mandatário alviverde ainda festejou o primeiro título da história do Allianz Parque, mas, emocionado, destacou que no coração de todo palmeirense, o novo estádio do Verdão ainda é o saudoso Palestra Itália.

Pra mim, continuo no Palestra Itália, remodelado, rebatizado como Allianz Parque. Aqui nunca vai deixar de ser nosso Palestra. O querido Allianz Parque nunca vai deixar de ser, no coração de todo palmeirense, nosso Palestra, nosso Parque Antártica, é a nossa casa”, comemorou Nobre.