Revista: MP investiga Neymar e seu pai por transferência para o Barça

  • Por Jovem Pan
  • 05/06/2015 11h39
Facebook/Reprodução Em 2015

A novela Neymar tem um novo personagem: o Ministério Público Federal. De acordo com a revista Época, o MP apresentará uma denúncia criminal contra o pai de Neymar e suas empresas, por suspeita de sonegação fiscal e até falsidade ideológica na negociação do jogador com o Barcelona em 2013.

De acordo com a publicação, a investigação teve início em fevereiro de 2014, quando o Barcelona efetuou o pagamento da última parcela de um total de R$76,4 milhões a empresa N & N, de propriedade de Neymar pai. Documentos foram solicitados pelo MP e a empresa entrou com recurso na Delegacia Federal de Santos, para paralisar a investigação, mas teve a tentativa negada.

Entre as denúncias estariam crimes fiscais, adulteração de documentos oficiais (falsidade ideológica). Além disso, o Ministério Público suspeita que o pagamento de R$6,6 milhões feito pelo Barcelona à N & N para que a empresa de Neymar monitore revelações do futebol brasileiro seja uma manobra para esconder pagamentos na transferência do jogador e sonegar impostos.  

Em 2013, Nerymar foi vendido ao Barcelona por 57 milhões de euros. A transferência passou por investigações na Espanha e foi revelado que o clube catalão desembolsou cerca de 86 milhões de euros. Parte interessada na negociação, o Santos comunicou no último dia 28 de maio que o entrou com uma ação na Corte Arbitral da Fifa Neymar, seu pai, além da Empresa Neymar Sports e Marketing, e o Barcelona.