Ricardo dos Santos, surfista baleado em Santa Catarina, morre aos 24 anos

  • Por Jovem Pan
  • 20/01/2015 15h04
Ricardinho levou três tiros do policial militar e faleceu devido à hemorragia e ferimentos no pulmão e tórax

Após passar por quatro cirurgias, o surfista Ricardo dos Santos, conhecido como Ricardinho, de 24 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu nesta terça-feira no Hospital Regional de São José, em Florianópolis. Ricardo foi baleado pelo policial militar Luiz Brentano, que estava de folga, na Guarda do Embaú, em Palhoça, Santa Catarina.

O surfista teria sido baleado após discutir com o policial, que havia parado o carro em cima de um cano em frente à casa onde Ricardo e o avô faziam uma reforma. Luiz Brentano foi preso em flagrante por tentativa de homicídio e alegou ter agido em legítima defesa. Testemunhas do atleta dizem que os disparos não tiveram justificativa.

Ricardinho não resistiu à hemorragia e aos ferimentos no tórax e nos pulmões, causados por três disparos efetuados pelo policial.