Robinho marca após retornar de lesão e Santos derrota Grêmio fora de casa

  • Por Jovem Pan
  • 28/08/2014 21h59

Robinho marcou o segundo gol da vitória do Santos sobre o Grêmio

Folhapress Robinho comemora gol do Santos sobre o Grêmio

O Santos entrou em campo na noite desta quinta-feira (28), na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS), para medir forças com o Grêmio e, apesar de ter tomado um grande sufoco, o Santos aproveitou muito bem suas poucas chances de gol e derrotou o rival gaúcho pelo placar de 2 a 0.

O primeiro tempo teve domínio do Grêmio na maior parte do tempo, mas foi o Santos que aproveitou bem as chances e fez 2 a 0, com gols de David Braz e Robinho. No segundo tempo, o Grêmio buscou a todo custo o empate ou, ao menos, o gol de honra, mas nada conseguiu.

Com o resultado, o Santos pode até perder por um gol de diferença na Vila Belmiro para se classificar para as quartas de final da Copa do Brasil 2014.

A partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil será disputada na próxima quarta-feira (3), às 22h (de Brasília), na Vila Belmiro, na cidade de Santos (SP).

O jogo – O Santos partiu para cima e, logo no primeiro lance, já teve uma falta a seu favor, em cima de Robinho, mas a equipe não soube aproveitar a chance. Aos poucos, o Grêmio começou a estabelecer seu jogo.

Logo aos seis minutos, quase que o Grêmio abriu o placar. Giuliano finalizou da entrada da área após passe de Barcos e mandou muito perto da meta santista.

O mesmo Giuliano voltou a assustar aos dez minutos, quando a bola sobrou para ele na cara da área do Santos e ele concluiu, mandando muito perto do gol de Aranha.

O Grêmio teve outra oportunidade espetacular, aos 21, mas Mena salvou a equipe de forma espetacular. Após batida cruzada de Duda, da esquerda, Luan finalizou praticamente dentro da pequena área e Mena tirou a bola em cima da linha.

A equipe gaúcha dominava o jogo e, aos 27, Aranha foi obrigado a defender chute de Giuliano para evitar o primeiro gol.

Depois de perder muitos gols, o Grêmio foi ‘punido’. Após cobrança de escanteio de Lucas Lima, aos 37 minutos, David Braz cabeceou firme, sozinho, e abriu o placar para o Santos: 1 a 0.

Aos 45, o Santos foi fatal mais uma vez. Após contra-ataque puxado por Lucas Lima, pela direita, a bola foi tocada para Robinho e, depois de bate e rebate, ela enganou o goleiro Marcelo Grohe e entrou no gol: 2 a 0. O primeiro tempo terminou com o Santos vencendo por dois gols de vantagem.

No segundo tempo, o Grêmio resolveu partir para cima e começou a impor pressão no Santos, mas o alvinegro da Baixada Santista se portou muito bem na defesa.

Com 18 minutos no relógio, Barcos finalizou forte do lado direito e Aranha espalmou para escanteio. O Grêmio chegou novamente aos 21, em cobrança de falta de Alan Ruiz, mas o goleiro santista desviou para escanteio.

Aos 35, Dudu cobrou falta na área, a bola chegou até Rhodolfo e ele, sozinho, cabeceou para fora. Grande chance perdida!

O Santos quase marcou o terceiro aos 40 minutos, quando Rildo, que havia entrado no lugar do Robinho, saiu na cara do gol, mas finalizou em cima de Marcelo Grohe e desperdiçou a chance de ampliar a vantagem.

O goleiro Marcelo Grohe voltou a salvar o Grêmio aos 44, após finalização de Leandro Damião. O Grêmio se lançou completamente ao ataque durante os seis minutos de acréscimo, mas não conseguiu sequer fazer um gol e terá que tirar uma grande desvantagem no duelo de volta.