Rosberg diz que precisa encarar GP de Abu Dhabi como “fim de semana normal”

  • Por EFE
  • 25/11/2016 15h41
Rosberg tem 12 pontos de vantagem para Hamilton

O alemão Nico Rosberg, da Mercedes, líder do Mundial de Fórmula 1 com 12 pontos de vantagem sobre o companheiro de equipe, Lewis Hamilton, disse após o primeiro treino livre desta sexta-feira que o melhor para viver a última etapa da temporada como “um fim de semana normal” para conquistar o título.

“Me sinto muito bem, é uma situação muito especial, gosto de vê-lo como um fim de semana normal. É a melhor maneira para fazer uma boa atuação”, disse Rosberg, que pode conquistar o primeiro campeonato mundial se for um dos três primeiros da corrida, independentemente da posição de Hamilton.

Rosberg, que foi segundo colocado nos dois treinos-livres de hoje, ambos terminando atrás de Hamilton, disse ter saído com “sensações positivas” das atividades realizadas nesta sexta-feira.

“Estou bastante bem, gosto do carro. Estive muito perto de Lewis e estamos bastante bem para a corrida. Temos um bom carro, gosto do circuito. Tenho que fazer um bom trabalho pela noite para conseguir o ritmo que me faltou hoje”, afirmou Rosberg.

O alemão disse que esteve perto de Hamilton, já que na segunda sessão de treino-livre ficou a 79 milésimos do britânico, e reconheceu que os pneus precisavam de uma estratégia diferente pelas baixas temperaturas de Abu Dhabi à noite.

“Os pneus ultramacios vão muito bem em uma volta, mas para corrida é diferente, porque faz frio. É preciso ter uma estratégia especial para isso”, explicou.