Rosberg lamenta erro na última curva: “arrisquei um pouquinho demais”

  • Por Agência EFE
  • 20/06/2015 17h25

O alemão Nico Rosberg lamentou ter arriscado demais em treino na Áustria

Nico Rosberg

O piloto Nico Rosberg (Mercedes), que viu a pole position do Grande Prêmio da Áustria de Fórmula 1 escapar na última curva neste sábado, reconheceu que arriscou mais do que deveria na tentativa de derrubar a marca de seu companheiro de equipe, o britânico Lewis Hamilton, que acabou ficando em primeiro e deixando o alemão em segundo.

“Sabia que tinha que dar o máximo no fim da minha última volta, mas arrisquei um pouquinho demais e fui acima do limite. Lewis foi dois décimos mais rápido na volta anterior, e eu estava exatamente dois décimos melhor naquele ponto, então sabia o que deveria ser feito”, argumentou Rosberg.

“Estava claro que a pole seria decidida nos últimos metros, mas na oitava curva abri demais e entrei um pouco na grama, que ainda estava molhada”, completou o piloto, dono de 16 pole positions na principal categoria do automobilismo.

Apesar da chateação com o erro cometido na última curva, o alemão acredita que ainda pode vencer na Áustria, onde foi vencedor em 2014, ano em que o país voltou ao calendário após dez anos.

“(O erro) Foi uma pena, mas estou otimista para amanhã. É uma grande corrida, e ainda tenho boas chances de vencer. Precisarei de uma boa largada para poder atacar Lewis, mas certamente manterei a pressão elevada”, finalizou.