Rumores: brasileiros Felipe Anderson e Miranda são cobiçados por gigantes europeus

  • Por Jovem Pan
  • 13/04/2015 16h27
Felipe Anderson e Miranda estão chamando a atenção de clubes de ponta de Europa

Dois jogadores brasileiros foram destaques nos rumores de transferências do futebol europeu nesta segunda-feira (13). O meia Felipe Anderson, que vem tendo grandes atuações pela Lazio, da Itália, e o zagueiro Miranda, do Atlético de Madrid, estão chamando a atenção de gigantes do Velho Continente. Confira esses e outros rumores.

Felipe Anderson vira alvo de Bayern e Wolfsburg. Os dois líderes de uma das ligas mais fortes do futebol mundial, o Campeonato Alemão, estão de olho em Felipe Anderson. Segundo o jornal italiano Gazzetta dello Sport, Bayern de Munique e Wolfsburg se juntaram ao Manchester United na briga pelo ex-santista de 21 anos, um dos destaques da Lazio na atual temporada.

Chelsea interessado em contratar Miranda. O atual líder do Campeonato Inglês quer completar a trinca e trazer um terceiro jogador do Atlético de Madrid em duas temporadas. Após contratar Filipe Luís e Diego Costa, o Chelsea pretende, segundo o britânico Daily Mail, comprar Miranda por um baixo preço, uma vez que seu contrato com o clube espanhol acaba em um ano – o que forçaria a diretoria do Atlético a vendê-lo antes que possa sair de graça.

Juventus mantém-se na briga por revelação argentina. O atacante Paulo Dybala, do Palermo, é uma das grandes revelações da atual edição do Campeonato Italiano. Seu sucesso o tornou alvo da líder e praticamente campeã Juventus, que, de acordo com o Tuttosport, está disposta a fazer uma segunda proposta pelo atleta de 21 anos, desta vez no valor de 30 milhões de euros (o equivalente a 98,8 milhões de reais).

Inter de Milão atrás de trio do Manchester City. Ainda no domingo (12), o Daily Mail informou que a Internazionale estaria disposta a contratar três jogadores do Manchester City: os meias Samir Nasri, Yayá Touré e James Milner. O trio foi treinado pelo atual treinador dos “Nerazzurri”, Roberto Mancini, quando este comandava o time inglês.