Rússia começa preparação para Copa em casa com amistoso contra o Azerbaijão

  • Por EFE
  • 02/09/2014 19h06
Fans of Algeria stand during their national anthem before a Group H football match between Algeria and Russia at the Baixada Arena in Curitiba during the 2014 FIFA World Cup on June 26, 2014. AFP PHOTO / ADRIAN DENNIS AFP Confira as emoções de Argélia x Rússia em imagens

Seleção anfitriã da próxima Copa do Mundo, a Rússia começa oficialmente nesta quarta-feira sua preparação para o torneio com um amistoso em Khimki contra o Azerbaijão.

Após não passar da fase de grupos no Brasil, os russos querem mudar o estilo de jogo e trabalhar em um esquema diferente do 4-3-2-1 usado pela maioria das equipes do futebol europeu, afirmou o técnico Fabio Capello em entrevista coletiva.

O treinador disse que dará oportunidade aos jogadores que pouco ou nunca atuaram pela Rússia – “é preciso renovar a seleção”, defendeu – e que já definiu os titulares, mas não quis revelá-los.

“Nós teremos quatro defensores, mas sem zagueiros de oficio”, afirmou o treinador, que seguiu à frente da seleção mesmo após intensos debates em relação a sua responsabilidade no fracasso da Rússia no último Mundial.

Entre os jogadores que vestirão a camisa da seleção pela primeira vez estão Dmitry Poloz, atacante do Rostov, e o meia Yuri Gazinskiy, do Krasnodar, dois jovens bem cotados com Capello. “São jogadores muito interessantes. Vi 13 partidas (no último mês) e estes jovens jogadores se destacaram”, disse.

As duas seleções empataram no último confronto oficial, e Capello alertou sobre a qualidade do adversário. “A partida não será fácil. A seleção do Azerbaijão melhorou muito seus resultados”, destacou.

O treinador da equipe russa se viu envolvido em uma polêmica nesta semana depois que seu filho e representante, Felipe Capello, denunciou à imprensa que seu pai está há vários meses sem receber salário. Ele é um dos técnicos de seleção mais bem pagos do mundo.

“A última coisa que me preocupa é se me pagam ou não. Estou aqui para fazer uma boa partida contra o Azerbaijão e, sobretudo, Liechtenstein (rival da Rússia na primeira partida das eliminatórias da Eurocopa)”, disse Capello, minimizando a polêmica.

No Azerbaijão, o técnico alemão Berti Vogts afirmou que sua equipe pode surpreender e, inclusive, ganhar dos russos. “No futebol, tudo é possível. O time frágil pode ganhar do forte. Do ponto de vista futebolístico, essas partidas sempre foram interessantes, e a de amanhã, espero, não será uma exceção”, ressaltou.

Vogts declarou que “as duas equipes se respeitam”, sobretudo depois do empate no último confronto oficial.

Provavéis escalações:

Rússia: Akinfeev; V. Berezutski, Kombarov, Ignashevich, Granat; Shatov, Glushakov, Fayzulin, Samédov; Dzagoev e Kerzhakov. Técnico: Fábio Capello.

Azerbaijão: Aghayev; Budak, Sadygov, Sukurov, Ramaldanov; Huseynov, Amirguliyev, Abisov; Aliyev, Nadirov, Javadov. Técnico: Berti Vogts.

Estádio: Arena Khimki