Samaranch vê equilibrada a disputa para sediar Jogos de Inverno de 2022

  • Por Agencia EFE
  • 10/06/2015 13h24

Redação Central, 10 jun (EFE).- O espanhol Juan Antonio Samaranch, membro da Executiva do COI, disse nesta quarta-feira que as candidaturas de Pequim e Almaty para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2022, são distintas, mas igualmente válidas, descartando apontar uma cidade favorita na disputa.

“São muito diferentes, mas as duas souberam aproveitar a liberdade que oferece a Agenda 2020. Já não nos interessa que se façam barbaridades. Os Jogos têm que se adaptar aos planos a longo prazo das cidade e da região. Pequim e Almaty fazem isso”, disse o dirigente à Agência Efe.

Segundo Samaranch, Pequim, apontada por muitos como favorita, precisa “explicar melhor o tema das altas temperaturas”, pois a Comissão de Avaliação do COI, que visitou a capital chinesa, demonstrou preocupação pela necessidade de se recorrer a neve artificial em algumas sedes.

Almaty, por sua vez, foi elogiada pelo espanhol por causa da proximidade entre as diferentes sedes, mas a baixa oferta hoteleira atual, é apontado como um ponto mais frágil da candidatura da cidade do Cazaquistão.

A apresentação das candidatas aos Jogos de Inverno de 2022 aconteceu durante reunião do Comitê Executivo do COI, que entre outras decisões, cortou relações com a Sportaccord, que se opõe as reformas no organismo olímpico.

“O que era presidente (Marius Vizer), e que já não é mais, fez afirmações muito sérias em nome de todas as federações, mas estas começaram a ficar mais distantes. Agora é preciso esperar que as próprias federações resolvam a situação”, explicou Samaranch. EFE