Sampaoli paga a própria multa rescisória e deixa de ser técnico do Chile, diz jornal

  • Por Jovem Pan
  • 19/01/2016 18h23
Sampaoli considerou justa a classificação chilena sobre o Uruguai

Depois de muito tentar, o técnico Jorge Sampaoli parece tem conseguido, finalmente, “se livrar” da seleção do Chile. Para isso, teve de pagar a própria multa rescisória para se ver livre do contrato com a ANFP (Associação Nacional de Futebol Profissional do Chile).

Sampaoli pagou 6,3 milhões de dólares, cerca de R$ 25,2 milhões, para conseguir a rescisão, de acordo com o jornal chileno La Tercera. O valor é inferior ao que a federação queria para liberá-lo.

Campeão da Copa América com o Chile em julho de 2015, título inédito e histórico para o país, Jorge Sampaoli se viu isolado após a saída do Sergio Jadue do comando da ANFP. Jadue, que saiu por conta do escândalo de corrupção na Fifa, havia contratado o treinador.

Com a federação governada por Arturo Salah, Sampaoli passou a ter dificuldades para deixar o cargo. “Nesse ambiente já não quero trabalhar nem viver no país. Nunca imaginei que em tão pouco tempo se destruiria a imagem de um ídolo que tanto deu ao futebol chileno”, disse o técnico em entrevista ao site Faro Deportivo.