Santos faz dois, mas vacila e permite empate do Maringá no final

  • Por Jovem Pan
  • 06/05/2015 23h51
MARINGÁ, PR, 06.05.2015: COPA DO BRASIL/ MARINGÁ-SANTOS - - Partida entre Maringá x Santos, válida pela segunda fase da Copa do Brasil, no Estádio Willie Davids, em Maringá (PR), na noite desta quarta-feira (6). (Foto: João Paulo Santos/Artpress/Folhapress)Elano comemora gol diante do Maringá

Após eliminar o Londrina na primeira fase da Copa do Brasil, o Santos voltou ao Paraná nesta quarta-feira (6) para enfrentar o jovem Maringá, que tem apenas cinco anos de história. Mesmo com essa experiência a mais, o time misto de Marcelo Fernandes vacilou no fim da partida e, após estar vencendo por dois gols de diferença até os 38 minutos do segundo tempo, levou o empate em poucos minutos e 2 a 2 e saiu de campo com gosto de derrota.

O time paranaense já começou a partida mostrando que não estava para brincadeira. Logo aos 3 minutos, o atacante Gabriel Barcos completou cobrança de falta para as redes, mas foi pego em impedimento. Elano respondeu arriscando de longe, o que obrigou o goleiro Ednaldo a mandar para escanteio. Aos 22 minutos, o volante santista apareceu na área para, de cabeça, aproveitar cruzamento de Cicinho e abrir o placar.

O Maringá seguiu tentando e quase empatou em chute de Gabriel Barcos que desviou em Gustavo Henrique e acertou o travessão. Perto do fim do primeiro tempo, o time da casa perdeu sua melhor chance: Rodrigo Dantas recebeu livre, mas se atrapalhou e permitiu que Vladimir saísse do gol para fazer grande defesa.

Na volta do intervalo, Gabriel mostrou sede de gol. O atacante roubou a bola antes do primeiro minuto e obrigou Ednaldo a fazer grande defesa. Depois, recebeu na área e mandou para dentro, mas teve impedimento marcado. Mais sorte teve Marquinhos Gabriel: Lucas Otávio recebeu de Lucas Crispim e rolou para o camisa 31 fuzilar.

As chances de gol diminuíram e a partida parecia se arrastar para a vitória por 2 a 0 até os 38 minutos da etapa final. Foi quando o zagueiro Fabiano aproveitou o rebote de Vladimir para finalizar de letra e marcar um golaço. O arqueiro santista ainda evitou o empate ao sair de sua meta para impedir finalização de Eurico.

Vladimir só não pode defender quando Rodrigo Dantas subiu livre na área e cabeceou forte e para baixo. Foi o empate heroico do time paranaense. Com isso, o Santos terá de receber o Maringá na quinta-feira, dia 14, para tentar confirmar a classificação para a próxima fase.