São Paulo tem parte da venda de Souza penhorada pela Justiça

  • Por Lancepress
  • 21/07/2015 19h08
Souza

O São Paulo tem acumulado problemas por conta de dívidas variadas. Nesta terça-feira (21), por decisão da 11ª Vara Cívil do Tribunal de Justiça, o clube teve penhorada uma parte do dinheiro da venda do volante Souza para o Fenerbahçe, da Turquia. O jogador foi negociado por 8 milhões de euros (cerca de R$ 28 milhões), dos quais o Tricolor tem direito a 35%.

A decisão bloqueou R$ 1.212.185,87 para efeito de pagamento de uma dívida antiga com a Prazan Comercial Ltda, que hoje chega a cerca de R$ 3 milhões. A empresa intermediou a negociação com o lateral-esquerdo Jorginho Paulista em 2002 e ficou de receber R$ 732 mil do Tricolor, valor que não foi pago na época e cresceu devido a juros e correções.

Na Justiça para receber o dinheiro desde 2006, a Prazo já tinha conseguido abater R$ 1.924.230,52 penhorando valores das vendas do zagueiro Paulo Miranda, ao Red Bull Salzburgo (AUS), e do volante Denilson, ao Al Wahda (EUA).

A ação vem no momento em que o São Paulo passa por vários problemas de ordem financeira. O clube foi acionado esta semana por dívida com o Orlando City (EUA) pela contratação de Kaká e tem atrasado os direitos de imagem dos jogadores constantemente.