Seleção passou mais um vexame. Você demitiria o técnico Dunga?

  • Por Jovem Pan
  • 13/06/2016 11h30
Dunga Copa América - Agência EFE

Quase dois anos depois de ser humilhada pela Alemanha na Copa do Mundo, a Seleção Brasileira de futebol voltou a dar um vexame em nível internacional. Apesar de pentacampeão mundial, o time verde e amarelo conseguiu ser eliminado na primeira fase da Copa América Centenário. O detalhe: em um grupo com Peru, Equador e Haiti.

A desclassificação foi consumada no último domingo, em Boston. A Seleção jogava por um empate para avançar às quartas de final do torneio, mas perdeu para o Peru por 1 a 0. Tudo bem, o gol de Raul Ruidíaz foi completamente ilegal, anotado com a mão, mas o Brasil também havia empatado com o Equador, na estreia, com ajuda da arbitragem – que anulou gol legal dos equatorianos após falha de Alisson. 

O buraco em que a Seleção mais tradicional do planeta está enfiada, então, é muito mais profundo do que se pode imaginar. Quando se pedia uma completa reformulação depois do 7 a 1, a CBF anunciou Dunga como novo treinador. Ele, no entanto, apresentou poucas evoluções desde o último trabalho à frente da Seleção, encerrado em 2010. 

O Brasil foi bem escalado com o que tinha à disposição, é verdade, mas faltou organização tática. No segundo tempo, quando o Peru acertou a marcação, a Seleção se desconectou em campo, atuando muito espaçada. Os jogadores não se apoiavam, tentavam decidir individualmente e, no fim, Dunga foi eliminado com duas substituições a fazer. Sem dúvidas, falta uma ideia de jogo ao Brasil. 

Seleção passou mais um vexame. Você demitiria o técnico Dunga? 

Ouça o programa completo desta segunda no áudio acima!