Sem Ceni e zagueiro, Osorio prevê dificuldades contra o Santos na Vila

  • Por Lancepress
  • 08/09/2015 19h16
Osorio destacou que o São Paulo não briga mais pelo título Brasileiro

Juan Carlos Osorio terá mais uma vez desfalques para montar o São Paulo neste temporada. Mais uma vez, contra o Santos, o treinador não contará com o goleiro Rogério Ceni, que completará quatro partidas longe dos gramados (Ponte Preta, Joinville, Internacional e agora o Peixe) por conta edema e inflamação no adutor direito. Porém, desta vez, a novidade nas ausências será do zagueiro Luiz Eduardo, que treinou nesta terça-feira, mas sente dores no joelho esquerdo.

Entretanto, para o clássico desta quarta-feira, na Vila Belmiro, o colombiano terá os retornos de Thiago Mendes, Wesley e Alexandre Pato, que voltam após cumprirem suspensão. Mesmo reforçado, o comandante são-paulino projeta dificuldade no San-São e jogo aberto na Baixada Santista.

“Tecnicamente, o Santos é um dos três melhores times do país. Assim como a nossa equipe, eles atacam muito, usam os laterais para surpreender e se expõem bastante em busca do gol. Acredito que será uma grande oportunidade para a nossa equipe duelar. Teremos em campo duas equipes que atacam bastante. Será um jogo muito bom, e o torcedor vai gostar”, opinou Osorio, que deseja implantar forte marcação no centroavante Ricardo Oliveira, artilheiro do Campeonato Brasileiro com 15 gols.

“O Ricardo Oliveira é um centroavante muito bom, com jogo aéreo perigoso e por isso temos que deixá-lo fora da área. Não podemos deixar, também, que ele chute de longe. Há algum tempo tenho falado que o Santos tem um grande time, que ataca muito e por isso está de parabéns pelo espetáculo que proporciona aos torcedores”, concluiu.

A lista de desfalques de Osorio ainda tem Denis, Breno, Lucão, Luiz Eduardo, Carlinhos e Luis Fabian, recuperados de contusão, mas aprimoram a parte física, além de Alan Kardec, tratando de uma cirurgia no joelho e Rodrigo Caio, na Seleção Brasileira Olímpica.