Sem dificuldades, Chelsea bate Tottenham na final da Copa da Liga Inglesa

  • Por Jovem Pan
  • 01/03/2015 15h43
Chelsea vence Tottenham na final da Copa da Liga Inglesa

Final de qualquer competição tende a ser pegada, truncada, afinal as duas melhores equipes do torneio estão duelando, mas não foi isso que vimos na final da Copa da Liga Inglesa. Chelsea e Tottenham se enfrentaram no tapete de Wembley e foi um massacre tático aplicado pelos Blues, que depois de 90 minutos mais acréscimos conseguiram a vitória por 2 a 0 e levantaram a primeira taça da temporada.

No papel, o Chelsea parecia um time extremamente retrancado. Além dos tradicionais zagueiros, Terry, Cahill e Ivanovic, escalado na lateral direita, Mourinho resolveu improvisar o zagueiro francês, Kurt Zouma, como primeiro volante. A decisão foi mais do que certa. O jovem de 20 anos jogou como gente grande: firme, constante e uma arma nas bolas paradas.

Com tantos zagueiros em campo, o primeiro gol não poderia ter saído de outro jeito. Após cobrança de falta na intermediária, a defesa dos Spurs bateu cabeça e a bola sobrou para o eterno John Terry empurrar para as redes de Lloris e abrir o placar da final.

Após o primeiro gol o Tottenham acordou. A posse de bola chegou a 62% para os Spurs, mas nada disso refletiu em gols. Alguns arremates perigosos, mas o jovem elenco de Maurício Pochettino estava afobado e a forte defesa do Chelsea impenetrável.

Como diz o ditado “time que não faz, leva”. Diego Costa, fez jogadaça na área dos Spurs, chamou o zagueiro Kyle Walker para dançar e bateu firme de canhota. Um leve desvio na zaga matou o goleiro e o placar estava sacramentado, 2 a 0 Chelsea.

O título da Capital One Cup foi o primeiro do português José Mourinho desde que venceu o Campeonato Espanhol com o Real Madrid em 2012. Após ligar para a mulher, o técnico dos Blues foi comemorar com os jogadores e a torcida. A taça foi erguida pelo imortal Didier Drogba, que como goleiro Petr Cech e o zagueiro John Terry estava na última passagem de Mourinho pelo Chelsea, 2004 – 2007.