Sem Neymar e Suárez, Barcelona vence o Espanyol e avança na Copa do Rei

  • Por Agência Estado
  • 13/01/2016 20h59
Barcelona vence o Espanyol e avança na Copa do Rei (EFE)

Mesmo sem contar com Suárez, suspenso, e Neymar, poupado, o Barcelona não teve nenhuma dificuldade para avançar na Copa do Rei. Depois de vencer por 4 a 1 na partida de ida, no Camp Nou, o Barça chegou com ampla vantagem para a volta contra o Espanyol no Cornella de Llobregat e fez valer o favoritismo. Venceu por 2 a 0 e selou a classificação.

Agora com um grande elenco à disposição, uma vez que chegou ao fim a suspensão imposta pela Fifa e Aleix Vidal e Arda Turan puderam estrear, o técnico Luis Enrique mandou a campo uma equipe mista, com Sergi Roberto, Vidal e Munir no time titular.

Aos 20 anos, Munir voltou a fazer dois gols numa mesma partida, repetindo o feito da partida de volta da fase anterior da Copa do Rei, contra o Villanovense. No primeiro gol, aos 32 minutos da etapa inicial, ele recebeu passe de Messi para marcar. No segundo, a 2 minutos do fim da partida, recebeu de Arda Turan em posição impedimento, com o gol livre, e só teve que escorar para dentro.

A partida desta quarta-feira foi a terceira entre Barcelona e Espanyol em 11 dias. Os dois times primeiro empataram no Cornella pelo Espanhol, num resultado muito comemorado pelo time de menos tradição. Depois, no Camp Nou, pela Copa do Rei, o Barça goleou por 4 a 1 num jogo muito quente. Desta vez o Espanyol entrou em campo derrotado e isso se refletiu numa partida menos tensa.

Campeão no ano passado, o Barcelona está classificado para as quartas de final da Copa do Rei, mas ainda não conhece seu adversário, que vai sair de um sorteio. Na terça, Mirandês e Sevilla, eliminaram La Coruña e Betis, respectivamente. Já nesta quarta, Athletic Bilbao, Celta e Las Palmas se classificaram.

O Bilbao venceu o Villarreal por 1 a 0, fora de casa, e garantiu a classificação, uma vez que também havia vencido na ida, por 3 a 2. O Las Palmas também chegou à partida de volta em vantagem e repetiu o 3 a 2 do primeiro jogo sobre o Eibar, chegando a um agregado de 3 a 2. Willian José, entretanto, passou em branco.

Já o Celta eliminou o modesto Cádiz, da terceira divisão, que só chegou até as oitavas de final porque seu rival da fase anterior, o todo poderoso Real Madrid, escalou um jogador irregularmente. Sem dificuldade, o Celta venceu por 3 a 0 fora de casa e, nesta quarta, confirmou a vaga com uma vitória por 2 a 0 em Vigo.