Show de encerramento da Copa, com Ivete e Shakira, terá “tributo ao futebol”

  • Por Jovem Pan
  • 12/07/2014 13h28

Artistas se encontram antes da cerimônia de encerramento da Copa do Mundo

Agnews/Vanessa Carvalho Ivete Sangalo

A aguardada final da Copa do Mundo, que acontecerá no próximo domingo (13), terá um grande show de encerramento, que promete levantar o público presente no Maracanã – apesar da ausência da Seleção Brasileira em campo.

Neste sábado (12), Ivete Sangalo, Shakira, Carlinhos Brown, Alexandre Pires, Carlos Santana e Wyclef Jean estiveram juntos no palco da apresentação. Ao lado do mascote Fuleco, eles posaram para fotos.Ivete aproveitou o momento para divulgar a imagem. “Encontro massa”, escreveu como legenda.

Ao todo, serão 18 minutos de espetáculo, com a presença de Shakira, Wyclef, Carlos Santana, Ivete Sangalo, Carlinhos Brown e Alexandre Pires. O show, que foi definido pelos organizadores como “um tributo ao futebol” começa às 14h20 (horário de Brasília), pouco mais de duas horas após a abertura dos portões do estádio.

“Não posso esquecer que em 2010 encontrei o amor da minha vida em uma Copa do Mundo (o zagueiro espanhol Gérard Piqué). Se não tivesse ido à África do Sul, meu filho não teria nascido. Estar aqui tem enorme significado, porque eu me sinto um pouco brasileira. Minha segunda língua é português, e essa é minha segunda casa”, disse Shakira em entrevista coletiva.

De acordo com a Fifa, a intenção é que a festa levante as bandeiras da liberdade, solidariedade, paixão e diversidade. As 32 seleções serão representadas, com destaque para as duas finalistas. O Rio de Janeiro, palco da cerimônia inspirou para que o ritmo dominante seja o samba. Com isso, a Acadêmicos do Grande Rio fará participação especial.

Três números serão apresentados durante a festa: as canções “Dare”, nas vozes de Shakira e Carlinhos Brown, “Dar Um Jeito – We Will Find a Way” (música oficial da Copa), com Alexandre Pires, Wyclef e Santana, e por último um medley de músicas brasileiras, com Alexandre Pires e Ivete Sangalo.

*Com informações da EFE