Sucesso sul-americano: veja os craques da Copa América campeões na Europa

  • Por Jovem Pan
  • 20/05/2015 10h53
Vinte e quatro jogadores sul-americanos que disputarão a Copa América foram campeões nacionais jogando na euorpa

A Copa América 2015, disputada no Chile, que terá início no mês de junho, já é considerada uma das mais difíceis da história.  Com participantes vindos de bom desempenho na Copa do Mundo de 2014 (casos de Argentina, Colômbia, Uruguai, além do Brasil), a expetativa é que a competição mostre um alto nível técnico. Outro elemento que ajuda a aumentar essa expectativa é o fato de existir um grande número de jogadores das seleções sul-americanas jogando em grandes clubes europeus.  

O sucesso dos atletas sul-americanos no futebol do Velho Continente é refletido nos clubes europeus campeões nacionais em 2015. Vinte e quatro jogadores que estarão na Copa América 2015 conquistaram títulos nacionais com seus clubes na Europa, alguns como protagonistas, inclusive nas quatro ligas mais importantes do continente.

Na Espanha, quatro sul-americanos conquistaram o campeonato nacional com o Barcelona: Lionel Messi e Javier Mascherano (Argentina), Neymar (Brasil), além do goleiro Cláudio Bravo (Chile).

Ainda na península ibérica, o campeão português, Benfica, contou com três jogadores convocados para a Copa América, são eles Maximiliano Pereira e Jonathan Rodríguez (Uruguai) e Andrés Gaitán (Argentina).

A campeã italiana e finalista da Liga dos Campeões, Juventus, possui três atletas que servirão suas seleções na competição sul-americana: Carlitos Tevez e Roberto Pereyra (Agentina) e Arturo Vidal (Chile).

O Chelsea, campeão inglês, conta com Filipe Luis e William (Brasil), além de Juan Cuadrado (Colômbia). Enquanto soberano campeão alemão, Bayern de Munique, conta com o experiente peruano, Claudio Pizarro

O campeão francês, Paris Saint-Germain, tem em seu elenco com Thiago Silva, David Luiz e Marquinhos (Brasil), Ezequiel Lavezzi e Javier Pastore (Argentina), e Edinson Cavani (Uruguai).

Na Rússia, o campeão nacional, Zenit, vai ceder dois atletas para a disputa da Copa América: Salomón Rondón (Venezuela) e Ezequiel Garay (Argentina). Já na Suíça, o Basel conta com Derlis Gonzáles (Paraguai). Assim como no campeão suíço, o campeão holandês também conta com um sul-americano que disputará a Copa América: PSV Eindhoven: Santiago Arias (Colômbia).