Técnico dá indícios de que carreira de Bendtner no Arsenal está perto do fim

  • Por Jovem Pan
  • 14/03/2014 11h56

A passagem de Nicklas Bendtner pelo Arsenal pode estar próxima do final

Nicklas Bendtner

Após se envolver em uma polêmica na cidade de Copenhague, quando ameaçou um taxista e, em seguida, desceu do carro, abaixou as calças e se esfregou no carro, o atacante Nicklas Bendtner parece estar próximo de ver sua passagem pelo Arsenal chegar ao fim, como informou o jornal britânico The Guardian.

Irritado depois do incidente, o técnico do clube londrino, Arsène Wenger, não se mostrou nada contente com o ocorrido e, apesar de frisar que ainda precisa conversar com Bendtner, deu indícios de que a punição não será branda.

“Eu não sei exatamente o que aconteceu porque eu não falei com ele ainda, mas a única coisa certa é que ele não deveria estar em Copenhague. Ninguém deu permissão a ele para ir até lá, então ele será multado por isso. Mas ele criou algum problema lá? Eu não sei”, disse o treinador dos Gunners.

Arsène Wenger também deixou no ar que a carreira do atleta dinamarquês no Arsenal pode ter chegado ao final. Ao ser questionado sobre se essa foi a última chance de Bendtner provar seu valor ao técnico, Wenger deu uma resposta não muito animadora para o atacante: “ele está no final de seu contrato neste meio de ano”.

Não é a primeira vez que Nicklas Bendtner se envolve em um incidente comprometedor fora dos gramados. Há algum tempo atrás, também em sua cidade natal, o atacante foi detido por dirigir embriagado e ficou seis meses suspenso da seleção da Dinamarca. Em novembro passado, Bendtner recebeu uma advertência da polícia após quebrar uma porta em um edifício em que mora.

Recentemente, Nicklas Bendtner chegou a reclamar que anda sendo mal representado pela mídia como um “psicopata”.