Técnico do Palmeiras confirma volta de Tchê Tchê contra o São Paulo

  • Por Estadão Conteúdo
  • 10/03/2017 18h53
Recuperado de uma lesão no ombro

O técnico Eduardo Baptista confirmou nesta sexta-feira, em entrevista coletiva, a presença do volante Tchê Tchê como titular do Palmeiras no clássico de sábado com o São Paulo, no Allianz Parque, pelo Campeonato Paulista. A informação é uma novidade, pois o jogador fraturou o ombro esquerdo no dia 5 de fevereiro, na estreia do Estadual, e será o principal retorno ao time.

O anúncio da escalação de Tchê Tchê é uma das poucas confirmações na equipe titular. O Palmeiras só fez treinos fechados nesta semana de preparação para o clássico. “O Tchê Tchê está pronto para iniciar uma partida. Se ele fosse para a Argentina (disputar o jogo da Libertadores), perderia um tempo preciso de treinamento. Ele ficou para poder se preparar e a nossa ideia é começar com ele”, afirmou.

A presença do jogador, um dos destaques da campanha do título brasileiro, alivia o principal desfalque para o clássico. O volante Felipe Melo recebeu o terceiro cartão amarelo na rodada anterior, contra o Red Bull, e terá de cumprir suspensão. Outra possível aposta é Arouca, recuperado de cirurgia no joelho direito e inscrito no Estadual na vaga do zagueiro Thiago Martins, lesionado.

Eduardo explicou nesta sexta que não poderia confirmar os titulares não apenas para fazer segredo, mas também para ter as indicações sobre o desgaste de cada atleta antes de planejar a equipe. “Temos um elenco muito forte. Então, vamos procurar colocar em campo quem estiver melhor tanto no momento, como na condição física”, disse. O Palmeiras jogou na quarta-feira na Argentina, contra o Atlético Tucumán, pela Libertadores, deu folga ao elenco na quinta e teve somente a tarde de sexta para treinar.

O jogo com o São Paulo é o segundo clássico do Palmeiras no ano. No primeiro, a equipe perdeu para o Corinthians por 1 a 0. Logo na próxima semana, na Vila Belmiro, vai enfrentar o Santos. Por isso, Eduardo espera ver neste sábado um time que aprendeu a lição com o revés no Itaquerão, quando foi derrotado mesmo com um a mais em campo. “Acho que depois do clássico, nós evoluímos, passamos ser um time mais incisivo, a ter a bola no chão. A gente espera colocar esse aprendizado para poder ser vencedor”, afirmou.

A provável escalação do Palmeiras para enfrentar o São Paulo, com alguns jogadores poupados pela sequência de jogos no calendário, tem: Fernando Prass; Jean (Fabiano), Vitor Hugo, Mina e Egídio; Thiago Santos, Tchê Tchê, Michel Bastos, Guerra e Róger Guedes; Borja (Willian).