Técnico elogia atuação do Barcelona, mas alerta que “duelo não está decidido”

  • Por Agência EFE
  • 15/04/2015 20h31
EFE Luis Enrique e Laurent Blanc. Espanhol se deu melhor no duelo pela Champions

Mesmo com a vitória fora de casa por 3 a 1 sobre o Paris Saint-Germain nesta quarta-feira, o técnico do Barcelona, Luis Enrique, afirmou que o confronto de quartas de final da Liga dos Campeões ainda “não está decidido” e que “seria um erro” comemorar antecipadamente.

“Eles recuperarão jogadores e certamente voltará a ser uma partida complicada e uma eliminatória que não está decidida. Já vimos de tudo no futebol. Não vamos cometer o erro de pensar que está decidida porque não está. Eles chegarão no Camp Nou sem nada a perder”, disse.

Apesar de ter se sentido “muito satisfeito” com o desempenho do time catalão, o treinador disse que “o 3 a 0 seria perfeito”, mas garantiu que não mudará a forma de jogar da equipe na partida de volta por causa do gol sofrido.

“Precisávamos controlar a partida com posse da bola, melhor ainda em campo adversário. Fomos consistentes, com superioridade no meio, chances perigosas na hora certa e muito sólidos na defesa. Eu destacaria todos os jogadores, no ataque e na defesa”, analisou.

Sobre o meia Iniesta, que se lesionou durante a partida e será submetido a exames médicos, Luis Enrique afirmou que “não parece nada grave”.

O técnico também aproveitou para elogiar os dois gols “muito especiais” marcados por Luis Suárez, “um jogador forte que arranca em velocidade e define como um centroavante”, segundo ele.

Luis Enrique não quis comentar o resultado da outra partida do dia, que terminou com a vitória do Porto por 3 a 1 sobre o Bayern de Munique, e se limitou a dizer que “ninguém esperava”, mas que “se uma equipe está nas quartas de final é porque tem qualidade”.