Thomas Müller não descarta deixar Bundesliga, mas frisa que “falta muito”

  • Por Agência EFE
  • 15/01/2015 20h09

Müller comemora primeiro gol do jogo

Müller comemora primeiro gol do jogo

O atacante Thomas Müller, do Bayern de Munique, não descarta que “aos 28 ou 30 anos” possa se transferir “uma liga diferente” da alemã, mas frisou que, para isso acontecer, “ainda falta muito”.

Em entrevista coletiva realizada nesta quinta-feira em Doha, no Catar, o jogador de 25 anos, com contrato com o Bayern até 2019, desmentiu assim os recentes rumores de que poderia ir em breve para o Manchester United.

Além disso, ele reconheceu a excelente fase de sua atual equipe, embora tenha admitido que “alguns detalhes” ainda podem ser melhorados.

“Os resultados foram quase perfeitos. Mas ainda podemos marcar gols de uma maneira mais simples e evitar situações nas quais temos menos controle do jogo”, afirmou.

Durante o período de recesso de inverno da Bundesliga (Campeonato Alemão), o Bayern treina na capital catariana, onde também faz amistosos e se diverte. Ontem, aproveitando seu dia livre na programação, Müller jogou golfe com os companheiros Pepe Reina e Bastian Schweinsteiger, mas sem sucesso.

“Perdi, e não vou chegar a ser um profissional do golfe”, brincou.