Tite ignora reclamação do Flu: “arbitragem erra para os dois lados”

  • Por Lancepress
  • 03/09/2015 07h57
Tite festejou a vitória sobre o Fluminense e evitou entrar em polêmica com a arbitragem

O técnico Tite não parece muito preocupado com as reclamações de rivais acerca da arbitragem no Campeonato Brasileiro. Após lamentações até do presidente do Fluminense, Peter Siemsen, o treinador minimizou a interferência externa no resultado da partida e preferiu enaltecer os números do Corinthians após a vitória por 2 a 0 sobre o Tricolor Carioca.

“Deixo vocês falarem a respeito, as pessoas, o presidente (Roberto de Andrade) responder, Edu (Gaspar, gerente de futebol), e eu fico atento ao jogo. Fico contente com desempenho da equipe, 14 finalizações, oito certas, aproveitamento alto. 60% de posse, cinco, seis modificações… Erros de arbitragem são dos dois lados. Teve lance de pênalti, bola longa, não vou reclamar… Quero ficar atento à minha alçada”, comentou o treinador.

O lance que mais revoltou jogadores e dirigentes do Fluminense diz respeito a um gol mal anulado. Cícero recebeu bola em condição legal e estufou as redes de Cássio quando a partida ainda sinalizava 1 a 0 para o Timão. A arbitragem, erroneamente, enxergou posição irregular do jogador tricolor.

Na opinião de Tite, o erro nem mesmo teve grande importância para o desenrolar do jogo. O treinador lembrou o segundo tento anotado pelo Corinthians e preferiu citar o esforço de seu elenco em treinamentos para que o time seja, atualmente, líder do Brasileirão (confira a classificação completa).

“Fizemos dois gols. Se tivesse acontecido, seria 2 a 1. Tem jogo de desempenho e resultado, fomos merecedores nos dois. Tal qual Bielsa fala, futebol de resultado e desempenho. Antes de resultado vem desempenho. Vai jogar bem, vai treinar bem, isso te remete à conquista. Se daqui a pouco jogar mal e vencer, no outro vai perder. Quero deixar as outras coisas de lado”, analisou.