Tite reencontra Grêmio, clube que já lhe fez “explodir” de alegria e raiva

  • Por Jovem Pan
  • 13/05/2016 17h25

Tite já treinou o Grêmio e teve sorte contra o CorinthiansTite já treinou o Grêmio e teve sorte contra o Corinthians

O jogo entre Corinthians e Grêmio, às 16h deste domingo, em Itaquera, não será especial apenas por representar a abertura do Campeonato Brasileiro aos dois times. A partida certamente provocará sensações específicas em Tite, técnico da equipe alvinegra. O motivo? Ele reencontrará o Grêmio, clube que já lhe mostrou o melhor e o pior lado de uma carreira de técnico de futebol – como conta a matéria especial de Raphael Thebas, da Rádio Jovem Pan. 

Tite foi treinador do Grêmio no início do milênio, mais precisamente entre 2001 e 2003. Apesar de ter comandado o rival Internacional anos depois, foi no clube tricolor que ele passou a ser considerado um dos grandes técnicos do futebol brasileiro. O gaúcho de Caxias, afinal, carregou o Grêmio à importantíssima conquista da Copa do Brasil de 2001.  

O título, curiosamente, foi vencido sobre o Corinthians, clube no qual Tite faria história mais de uma década depois. Após empate por 2 a 2 no jogo de ida, no Sul, o Grêmio surpreendeu o poderoso time alvinegro na grande decisão, no Morumbi, e levantou a taça após vitória por 3 a 1 e grande atuação de Marcelinho Paraíba.  

Até hoje, mesmo campeão mundial, da Libertadores e bi brasileiro, Tite guarda aquele título com muito carinho, a ponto de considerá-lo um dos mais importantes da sua carreira. Naquela ocasião, afinal, ele conquistava a primeira taça nacional como técnico, ainda aos 40 anos. Uma explosão de alegria.

Doze anos depois daquele feito, Tite voltou a “explodir” em um Corinthians x Grêmio, mas, desta vez, de raiva. Já no comando do time alvinegro, o técnico viveu uma das noites mais tristes de sua carreira em 23 de outubro de 2013 

Depois de dois empates por 0 a 0, Tite viu a decisão das quartas de final da Copa do Brasil ir para os pênaltis e se enfureceu ao observar Alexandre Pato perder a última cobrança com uma polêmica cavadinha, que parou nas mãos de Dida, no meio do gol. O técnico ficou desolado e deu uma senhora bronca no atacante ainda nos vestiários da Arena, em Porto Alegre. Aquela, sem dúvidas, foi uma das noites mais sombrias da vida do treinador. 

E agora? Será que Tite voltará a ser protagonista de um Corinthians x Grêmio? Vai ser a 11ª vez que ele enfrentará o time tricolor como treinador do Corinthians. Em dez jogos até aqui, o comandante conquistou quatro vitórias, conformou-se com três empates e lamentou três derrotas. Qual será o resultado deste domingo? Resta esperar para ver…