Top 7 Jovem Pan: quais foram os gols mais bonitos do Brasileirão?

  • Por Jovem Pan
  • 07/12/2015 12h09
S?O PAULO, SP, 31.10.2015 - SÃO PAULO-SPORT - Michel Bastos do São Paulo coemora gol durante partida contra o Sport em jogo válido pela 33? rodada do Campeonato Brasileiro 2015 no Estádio Cicero Pompeu de Toledo, zona sul de São Paulo, neste sábado, 31(Foto: Adriana Spaca/Brazil Photo Press/Folhapress)Michel Bastos mandou a torcida se calar após marcar o terceiro gol do São Paulo sobre o Sport

O Campeonato Brasileiro acabou, e a Jovem Pan relembra os lances mais marcantes da competição que terminou com o hexacampeonato do Corinthians. Nesta segunda-feira, você confere os sete gols mais bonitos na opinião da nossa equipe de esportes.

Michel Bastos (São Paulo)

O meia tricolor protagonizou uma verdadeira pintura na vitória por 4 a 2 sobre o Atlético-MG pela 35ª rodada. Recebendo uma bola na intermediária, ele dominou com estilo, já levantando, e soltou a perna esquerda para surpreender o goleiro Victor. Uma bomba indefensável.

Paulinho (Flamengo)

Um chute de rara felicidade. O atacante rubro-negro recebeu um cruzamento que atravessou a área da Chapecoense e acertou uma bomba de primeira, sem deixar a bola cair, mandando no ângulo oposto. O Flamengo venceu por 3 a 1 o jogo válido pela 25ª rodada.

Neto (Chapecoense)

Quem disse que zagueiro não faz golaço? Neto foi à área do Vasco para uma bola parada e marcou de uma maneira bem improvável: dominando com estilo e virando uma bicicleta. O gol garantiu a vitória da Chape por 1 a 0 pela 11ª rodada.

Gustavo Scarpa (Fluminense)

O meia do Flu fez bonito após receber lançamento de Fred: chapelou o zagueiro do Goiás com um toque sutil e acertou bela finalização de pé direito, que não é o forte. O time tricolor venceu o jogo por 2 a 0, pela 28ª rodada.

Renato Cajá (Ponte Preta)

O armador foi embora da Ponte Preta no meio do campeonato, mas deu tempo de deixar essa pintura. Na vitória por 3 a 1 sobre a Chapecoense, na 4ª rodada, ele fechou o placar com um chute perfeito do meio-campo que encobriu o goleiro Danilo.

Lucca (Corinthians)

A jogada coletiva do Corinthians no gol de Lucca, durante a vitória massacrante por 6 a 1 sobre o rival São Paulo na 36ª rodada, foi de encher os olhos. Bruno Henrique deu lindo giro sobre a marcação, Danilo fez assistência de letra e o atacante alvinegro bateu firme para vencer Denis.

Ricardo Oliveira (Santos)

A única vitória fora de casa do Santos no Brasileirão aconteceu graças a este golaço de Ricardo Oliveira: 1 a 0 sobre o Cruzeiro, na 21ª rodada. O artilheiro acertou um “pombo sem asa” de muito longe, sem chance de defesa para Fábio.

O repórter Fredy Junior escolheu seu gol preferido abaixo. E para você, qual foi o gol mais bonito do Brasileirão?